Pedetista está desidratando o DEM na capital do Agreste (Foto: Hesíodo Góes/Arquivo Folha)

Apesar da “saraivada” de críticas da oposição, sobretudo de tucanos e democratas, o prefeito de Caruaru, José Queiroz (PDT), conquistou um importante aliado nesta quarta-feira (25), o PMDB. Isso porque o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) decidiu manter, hoje, a liminar impretada pelo atual presidente municipal da legenda, Reginaldo França, derrubando, assim, a ação movida pelo ex-dirigente da comissão provisória, Adjar Soares. Reginaldo era, no passado, bastante ligado ao deputado e ex-prefeito Tony Gel, tendo ocupado secretarias importantes no governo do democrata. Contudo, desde 2011, o peemedebista está alinhado com os interesses do gestor pedetista.

No ano passado, Adjar Soares entrou com liminar no TRE-PE para derrubar o resultado da última eleição do diretório municipal do PMDB, em Caruaru. Com isso, Soares foi eleito presidente da comissão provisória. Adjar não quer ver nem pintado de ouro o prefeito José Queiroz. Com nova eleição do diretório do partido, setores peemedebistas, incomodados com o alinhamento com Tony Gel, protocolaram nova liminar na Justiça Eleitoral para cassar a decisão anterior. A “derrubada” deixou o caminho aberto para que o PMDB se alie ao PDT neste ano, o que acabou se consolidando nesta quarta-feira.

Reginaldo França é a segunda pessoa de peso de Tony Gel que “cai nas graças” do prefeito José Queiroz. A primeira foi Edileusa Portela, responsável por fazer o “corpo-a-corpo” nas comunidades. Comenta-se na cidade que, sem o PMDB, dificilmente o DEM de Tony Gel lançará a candidatura da ex-deputada Miriam Lacerda, esposa do parlamentar. Isso porque, além de diminuir consideravelmente o tempo de televisão, o PSDB, o único partido de oposição de peso na cidade, já projeto próprio, com o vereador Diogo Cantarelli.

(Foto: Reprodução/Twitter)

No Twitter, o deputado federal e filho do prefeito de Caruaru, Wolney Queiroz (PDT), comemorou, e muito, a conquista. “PMDB de Caruaru volta a seu lugar: a base de Zé Queiroz e Dilma. Vereador Leonardo Chaves, no PMDB desde 1979, e Reginaldo estão de parabéns”, postou em seu perfil no microblog. O pedetista aproveitou o espaço para atacar o DEM. “O PMDB de Caruaru não poderia continuar sublegenda do DEM, um partido em extinção e na contramão da política nacional de Dilma e Michel Temer”, escreveu.