FBC diz que PSB vai aprofundar discussão sobre 2014

Ministro (laranja) preferiu não entrar em polêmica sobre seu partido, o PSB (Foto: Valter Andrade/PMJG)

O Ministro da Integração, Fernando Bezerra Coelho (PSB), disse, neste domingo (19), que o debate sobre as eleições 2014 no seu partido está se iniciando, mas ainda não existe uma decisão tomada.

“Estou acompanhando o debate. O PSB vai aprofundar essa discussão, precisamos aguardar. Ainda não temos um cronograma definido pelo partido de como se dará a tomada de decisão quando as eleições do 2014. Precisamos aguardar”, explicou o ministro quando perguntado se os governadores do PSB estariam insatisfeito com essa indefinição.

Na manhã deste domingo, FBC esteve visitando as obras de contenção do mar em Jaboatão dos Guararapes, ao lado do prefeito Elias Gomes (PSDB). “O município de Jaboatão, entre todos os municípios, é o que realiza o maior investimento em obras de prevenção. Essa obra pode ser referência para o problema de erosão marinha, que também aflige diversos estados brasileiros, como Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Sergipe e Santa Catarina”, explicou o ministro.

GOVERNO DE PERNAMBUCO
FBC externa para todos o seu desejo de disputar o Governo do Estado em 2014. A grande dúvida está na legenda, já que no seu partido a sua chance é praticamente zero. Nessa costura, comenta-se que o ministro esteja se transferindo para o PMDB. O PT também é uma possibilidade e ainda não foi descartado pelo socialista que bateu o pé nessa candidatura e vem recebendo, nos bastidores, o incentivo dos petistas que querem reduzir cada vez mais o espaço do governador Eduardo Campos em seu território eleitoral.


Renildo e Elias também se reúnem para tratar chuvas

Assim como o prefeito do Recife, Geraldo Júlio (PSB), Renildo Calheiros (PC doB) e Elias Gomes (PSDB), prefeitos de Olinda e Jaboatão dos Guararapes, respectivamente, também reuniram suas equipes para discutir e avaliar os transtornos da chuva que caiu na Região Metropolitana do Recife nos últimos dias.

Além de mapearem os estragos causados pelas chuvas nos seus municípios, os gestores afirmaram que técnicos das duas prefeituras estarão de prontidão durante todo o final de semana.

Elias prometeu vigilância 24 horas durante este final de semana (Foto: Prefeitura de Jaboatão)

Segundo a prefeitura de Jaboatão, o município foi o que mais concentrou volume de chuva da Região Metropolitana do Recife (RMR) na sexta-feira (17).

De acordo com o boletim pluviométrico divulgado pela Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), órgão vinculado ao Governo Estadual, a cidade chegou ao índice de 139 mm, o equivalente a 40% das precipitações previstas para o mês de maio.

“Estamos intensificando as ações. A Defesa Civil e toda a equipe da Prefeitura estarão de prontidão durante todo o final de semana para atender as demandas da população”, afirmou o prefeito Elias Gomes, citando os investimentos que sua gestão está realizando nas áreas de morro. “Mais de R$ 10 milhões já foram investidos e outros R$ 7,5 milhões em obras de contenção de encostas estão em execução. Além disso, mais R$ 30 milhões estão em fase de licitação”, complementou.

Em Olinda, nove pessoas ficaram desabrigados com as chuvas, sendo cinco adultos e quatro crianças (Foto: Prefeitura de Olinda)

Em Olinda, o prefeito Renildo visitou o canal do Fragoso na tarde deste sábado. “Mapeamos alguns pontos críticos para atacar, e nossa defesa civil vem prestando todo o atendimento necessário às famílias”, detalhou o gestor.

De acordo com a Prefeitura de Olinda, nove pessoas ficaram desabrigados com as chuvas, sendo cinco adultos e quatro crianças, todas da comunidade de Cabo Gato, em Peixinhos.


FBC e Elias Gomes se encontram na orla de Jaboatão

O ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho (PSB), e o prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Elias Gomes (PSDB), acompanharão nesta sexta-feira (17), às 15h, o andamento das obras da maior intervenção para engorda de praias realizada no Brasil.

Os dois verificarão o canteiro de obras instalado na praia de Candeias para verificar uma nova etapa dos serviços que vão criar um sistema de contenção da erosão marinha.

A intervenção é pioneira no estado de Pernambuco e prevê a destinação de areia do fundo mar para um trecho com 5,8 quilômetros de extensão nas praias de Barra de Jangada, Candeias e Piedade.


Draga para engorda das praias está em Suape

A draga que irá transportar a areia da jazida, em alto mar até a costa, para a obra de engorda das praias de Jaboatão dos Guararapes já está no Porto de Suape. As intervenções vão restabelecer a faixa de areia das praias de Barra de Jangada, Candeias e Piedade e foram iniciadas em fevereiro deste ano. Neste sábado (03), o prefeito do município, Elias Gomes (PSDB), apresenta oficialmente o equipamento.

Na ocasião, técnicos do município da empresa responsável pelo equipamento vão explicar também como se dará o funcionamento da embarcação e os próximos passos da obra. Pioneira em Pernambuco, a engorda deixará a faixa litorânea com uma média de 30 a 45 metros em uma extensão de 5,5 quilômetros, onde estão localizados os pontos críticos.


Auxiliar de Elias vê aliança com PSB firme como rocha

Evandro Avelar ainda diz que Jaboatão está entre os municípios da RMR com mais investimentos (Foto: Laila Santana)

Secretário de Serviços Urbanos de Jaboatão dos Guararapes e presidente estadual do PSDB, Evandro Avelar rechaçou a declaração do deputado estadual João Fernando Coutinho (PSB), de que a população estaria arrependida de ter reelegido o prefeito do município, Elias Gomes (PSDB). Em entrevista à Rádio Folha FM 96,7, o auxiliar afirmou a gestão do correligionário está entre as que mais realizam obras na Região Metropolitana do Recife, o que, segundo ele, vem sendo observado. Avelar ainda descartou a possibilidade de um racha entre tucanos e socialistas, destacando a “firmeza” da aliança.

“A aliança, de nossa parte, é firme como uma rocha. Mas precisamos repor a verdade sobre a fala do deputado. Jaboatão tem quase R$ 70 milhões em obras executadas em convênios com o governo do Estado e com o governo Federal”, cravou Evandro Avelar, completando: “Só a obra para conter o avanço do mar está orçada em R$ 40 milhões”.

Avelar ainda ironizou as críticas desferidas por João Fernando Coutinho, indicando que conversará com o vice-prefeito do município, Heraldo Selva (PSB), para que ele marque uma audiência com o deputado para explica-lo os detalhes das obras em andamento em Jaboatão. “Vamos pedir que ele nos ajude na liberação de recursos”, afirmou.

Com relação ao estágio de abandono das obras de construção da Maternidade Rita Barradas, denunciado por João Fernando, Evandro Avelar afirmou que a intervenção fora inicialmente embargada pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), mas já está com o processo de licitação para ser lançado nos próximos dias.


Betinho: Coutinho é “conversa pra boi dormir”

Deputado cravou que gestão em Jaboatão prepara um salto de qualidade (Foto: Nathália Bormann/Arquivo Folha)

O imbróglio político que se estabeleceu em Jaboatão dos Guararapes pode estar causando desconforto na relação PSDB-PSB. Após o episódio no início do ano, em que o prefeito Elias Gomes (PSDB) tirou licença do cargo para período de férias e o vice, Heraldo Selva (PSB), não assumiu o posto, o último estremecimento entre os partidos veio da crítica feita pelo deputado João Fernando Coutinho (PSB) ao governo do tucano. A resposta partiu do filho de Elias, o também parlamentar Betinho Gomes (PSDB), que fez uma defesa veemente.

Coutinho diz que povo de Jaboatão está arrependido

“Essa história de 100 dias é conversa pra boi dormir, que embala os amadores que se deixam pautar por referências midiáticas e não têm visão e perspectiva do todo”, disparou Betinho Gomes, devolvendo as críticas a João Fernando Coutinho. O deputado tucano cravou que, no primeiro mandato, o prefeito Elias Gomes buscou restabelecer a dignidade e o crescimento econômico e social do município. O parlamentar frisou ainda que o pai prepara “um grande salto de qualidade” com base nos avanços alcançados entre 2009 e 2012. “Jaboatão está nos trilhos do desenvolvimento e agora vamos poder fazer mais pelo município e por nossa gente”, arrematou o parlamentar.

Betinho Gomes destacou que a prefeitura retoma obras de grande impacto, como a implantação do binário de Prazeres e a pavimentação da Avenida Ulisses Montarroyos e da Rua do Loreto. O governo municipal investe R$ 7,5 milhões em obras de contenção de encostas, ao mesmo tempo em que realiza revestimentos de canais. Ressaltou que as obras de contenção do avanço do mar devem ser aceleradas em breve, com a chegada da draga que vai extrair a areia de jazida no fundo do mar para a engorda das praias de Barra de Jangada, Candeias e Piedade.

Betinho destacou ainda os investimentos programados para construção de escolas e de 15 unidades de saúde e declarou estar seguro quanto ao rumo do governo municipal. “Gente como o deputado João Fernando Coutinho verbaliza o sentimento da velha oposição que se ressente dos tempos em que Jaboatão era palco dos desmandos a serviço dos interesses dos que em vez de servir, se serviam da cidade”, completou o parlamentar tucano.


Coutinho diz que povo de Jaboatão está arrependido

Deputado diz que prefeito paralisou as obras iniciadas em sua primeira gestão (Foto: Arthur Mota)

Os 100 dias  - completados na última quarta-feira (10) – do segundo governo do prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Elias Gomes (PSDB), foram suficientes para os eleitores do município terem se arrependido de confiar mais quatro anos ao tucano, segundo o deputado estadual João Fernando Coutinho (PSB). De acordo com o parlamentar, que chegou a ensaiar uma candidatura própria do seu partido, as obras  iniciadas ainda na gestão anterior estão paralisadas e a população sofre com o suposto descaso demonstrado por Elias. Questionado, durante entrevista à Rádio Folha FM 96,7, se os socialistas estão arrependidos de terem indicado a vice de Gomes, Coutinho disparou: “o povo é quem está arrependido”.

Municiado de um verdadeiro dossiê sobre a gestão Elias Gomes, João Fernando Coutinho afirmou que várias promessas da primeira campanha do tucano no município, ainda em 2008, não saíram do papel, como a Maternidade Rita Barradas. O socialista lembrou que, durante o período eleitoral em questão, o gestor destacou que essa seria uma de suas principais ações do seu futuro primeiro governo.

“Contudo, passaram quase dois mil dias e a maternidade não saiu do papel”, denunciou, completando: “o governo Federal liberou R$ 8 milhões, o governo do Estado liberou outros R$ 4 milhões para ajudar na construção e o município ainda não realizou a obra. Não avançou em nada”.

Dossiê mostra estágio de abandono da obra prometida pelo tucano em 2008 (Foto: Gilberto Prazeres)

João Fernando Coutinho ainda destacou que, no ano passado, o prefeito Elias Gomes exonerou cerca de 500 funcionários comissionados da gestão, que teriam sido indicados por aliados políticos do tucano. Um inchaço na máquina pública que, segundo o socialista, teria servido apenas para ajudar a eleger o gestor. “É só perguntar aos vereadores”, provocou o deputado.

Ao ser indagado sobre a participação do seu partido na gestão de Elias, João Fernando Coutinho assegurou que o PSB não participa da administração, tendo apenas a indicação do vice, Heraldo Selva, como contribuição efetiva à administração do tucano. “O PSB não participa do governo”, cravou.

 

 


Jaboatão divulga calendário de pagamento até 2016

A Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes divulgou, nesta quarta-feira (10), as datas de pagamento dos salários dos servidores municipais, efetivos, comissionados e pensionistas até o ano de 2016. O calendário de quitação dos vencimentos segue o modelo do divulgado na primeira gestão do Prefeito Elias Gomes, em 2009, quando o gestor anunciou as datas das remunerações do funcionalismo público até 2012.

“O calendário mostra o compromisso da Gestão Municipal em comunicar a todos os servidores e contratados do município, a data dos pagamentos que serão honradas pelo Governo. Isso mostra um total comprometimento do município em antecipar essas informações, visando oferecer uma maior tranquilidade aos trabalhadores”, afirmou o secretário de Fazenda, Gestão e Previdência de Jaboatão, Jackson Rocha.


Com ressalvas, Câmara aprova terreno para IFPE

Por unanimidade, a Câmara Municipal de Jaboatão dos Guararapes aprovou, na manhã desta segunda-feira (11), o polêmico projeto de cessão de um terreno para a construção de uma unidade do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE) na cidade. Contudo, a matéria não foi aprovada com o mesmo texto encaminhado pelo Executivo. Os vereadores fizeram a ressalva de que a área a ser cedida precisa ser no bairro de Jaboatão Centro, um dos mais populosos do município, e não pode ter pendências jurídicas.

Estudantes de Jaboatão botam vereadores para correr
Câmara vê pendências em terreno para IFPE
Jaboatão diz que PL de terreno está à disposição

Na semana passada, estudantes que protestavam contra a morosidade da Câmara na aprovação da matéria praticamente colocaram os vereadores jaboatonenses para correr. O que aumentou a revolta do grupo reclamante. A demorava na aprovação do projeto também abriu uma nova guerra entre o Executivo e Legislativo do município, com direito a acusações de todos os tipos.


Jaboatão abre licitação para 235 novos táxis

Envelopes serão abertos dia 22 de abril. Resultado sai 30 dias depois (Foto: Reprodução/Internet)

A Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes vai licitar a entrada de 235 novos táxis na frota do município, ampliando para 955 veículos na cidade. Atualmente, Jaboatão conta com 720 automóveis credenciados. Os envelopes dos licitantes deverão ser entregues no dia 22 de abril, às 13h, à Secretaria Executiva de Trânsito e Transporte de Jaboatão, em Piedade. O resultado sai 30 dias depois. Das 235 permissões 205 serão para serviço comum – aquele destinado ao cidadão – e 30 facilitado às empresas. Além disso, 21 vagas do serviço comum serão destinadas a pessoas com deficiência. Os novos veículos serão distribuídos em todas as sete Regionais do município.

Cada pessoa física pode ter apenas uma permissão. Já as empresas que ganharem a licitação, poderão ter até 10 automóveis. Quem participar da licitação e não for convocado para uma das 235 vagas, irá compor uma lista de espera, com validade de dois anos, que pode ser prorrogada pelo mesmo período. A quantidade de permissões ofertadas foi levantada a partir do decreto nº 109/97 de 26 de outubro de 1997, que prevê um veículo para cada 650 habitantes.

Para participar do processo é necessário cumprir algumas exigências previstas no edital, publicado no Diário Oficial do último dia 6. Entre elas, estão possuir veículo na cor branca com no máximo cinco anos de uso, ou se comprometer a adquirir o automóvel, sendo titular da carta de crédito e possuir inscrição ativa no Cadastro de Inscrição Municipal (CIM) de Jaboatão. Leia Mais


Estudantes de Jaboatão botam vereadores para correr

Discentes cobram a aprovação do PL para instalação de uma unidade do IFPE no município (Fotos: Laila Santana/Folha de Pernambuco)

Por Júlia Veras
Da Folha de Pernambuco

Um grupo de estudantes de Jaboatão dos Guararapes foi à Câmara de Vereadores para protestar contra a demora na votação do Projeto de Lei que viabiliza a implantação de uma unidade do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE) no município. A matéria tramita na Casa desde o dia 19 de fevereiro e, pelo prazo, teria que ser colocada em votação até esta quinta-feira (7).

Usando narizes de palhaços e faixas, o grupo de discentes tinha a intenção de pedir explicações aos parlamentares sobre a demora. Contudo, os jovens foram surpreendidos por uma postura, no mínimo, que demarca a falta de compromisso dos vereadores: quase todos os parlamentares deixaram o plenário da Câmara ao ver a manifestação dos estudantes.

Ao ver a manifestação estudantil, os parlamentares deixaram o plenário e "sumiram" da Câmara. Nem o presidente foi localizado

Apenas os vereadores Didinho (PSB), Dado do Caminhão (PPS) e Carlos Alberto (PSDB) permaneceram no recinto e receberam os manifestantes. A reportagem da Folha de Pernambuco tentou localizar o presidente da Câmara de Jaboatão, Ricardo Valois (PT), nos três prédios do Legislativo municipal, porém não localizou o parlamentar para comentar a “fuga”.

A maior preocupação dos estudantes é que, caso não seja votado o projeto de lei, a cidade de Jaboatão dos Guararapes perca a oportunidade de sediar uma unidade do IFPE. Um novo protesto está marcado para esta quinta-feira.


Procon de Jaboatão faz blitz em supermercados

Na semana passada, ação apreendeu 50 kg de alimentos com validade vencida (Foto: Valter Andrade/Divulgação)

A Superintendência de Defesa do Consumidor (Procon) de Jaboatão dos Guararapes intensificou a agenda de fiscalizações nos supermercados de pequeno, médio e grande porte do município. Esta semana, a blitz ocorrerá nos estabelecimentos comerciais de gêneros alimentícios localizados no bairro de Cavaleiro. De acordo com Débora Albuquerque, superintendente do órgão, apesar da atividade ter como objetivo a repressão de práticas que ferem o Código de Defesa do Consumidor (CDC), será abordado com os proprietários de supermercados formas educativas de evitar a prática.

“Nossa principal meta é fazer com que os donos de mercados capacitem ou orientem melhor seus gerentes para que não sejam expostos itens que possibilitem riscos à saúde dos consumidores, pois continuaremos inibindo essa prática”, destacou. Ainda segundo Débora, as empresas que não estiverem cumprindo o que estabelece o CDC serão autuadas e multadas em valores que variam de R$ 1 mil a R$ 4 mil. “Essa é uma das principais irregularidades encontradas pela nossa equipe”, enfatizou.

Na última semana, a ação apreendeu aproximadamente 50 kg de produtos e alimentos com a data de validade fora do prazo, uma das principais irregularidades encontradas pelos técnicos da Prefeitura. Ano passado, os supermercados de Jaboatão registraram os maiores casos de desrespeito ao consumidor do município, que possui uma média de 1.500 denúncias por mês. Para solicitar o serviço do Procon, o consumidor deve entrar em contato pelo número 0800-281-6970.


Câmara de Jaboatão nega troca de verba por cargos

Em nota, presidente da Casa, Ricardo Valois, disse que medida teve respaldo dos vereadores (Foto: Reprodução/Internet)

A tentativa de transformar a extinção da verba de gabinete pagas aos 27 vereadores do município de Jaboatão dos Guararapes em cargos comissionados foi rechaçada pelo presidente daquela Câmara Municipal, Ricardo Valois (PT). Na semana passada, a Mesa Diretora do Legislativo municipal decidiu extinguir o pagamento de verbas – cada parlamentar tinha direito a R$ 4 mil. Contudo, ao retirar a benesse, os vereadores, segundo informações de bastidores, têm a intenção de criar mais postos de confiança, livrando, assim, da fiscalização oficial.

Verba indenizatória em xeque na Câmara de Jaboatão
Manobra à vista na Câmara de Jaboatão?

Em nota à Imprensa, o presidente da Câmara, o vereador Ricardo Valois (PT), nega a manobra de extinguir a verba de gabinete em troca de cargos, afirmando que a medida da Mesa Diretora teve respaldo de todos os parlamentares. O texto ainda ressaltou que a Casa legislativa é a primeira, em Pernambuco, a adotar esta iniciativa. Confira a íntegra do documento:

NOTA OFICIAL

Em respeito à opinião pública de nossa cidade, a Mesa Diretora da Câmara de Vereadores de Jaboatão dos Guararapes, representada pelo Presidente Ricardo Valois, vem através de nota oficial, questionar algumas matérias veiculadas em blogs onde citavam que a casa teria extinguido a verba indenizatória em troca de cargos. A Câmara Municipal de Jaboatão dos Guararapes em nenhum momento compactuará com quem age fora dos limites da legalidade, pugnando pela preservação de sua imagem de Casa representante legítima da sociedade e dos anseios populares. A decisão da Mesa diretora teve o apoio de todos os demais vereadores que chegaram a essa decisão com objetivo de dar exemplo, visto que é a primeira casa legislativa a tomar essa decisão no Estado de Pernambuco e também como formar de mostrar à sociedade a forma austera e visão gestora que a casa passa a ser administrada. Dessa forma o poder legislativo de Jaboatão dos Guararapes se coloca à disposição para todo e qualquer esclarecimento.


Jaboatão vai tirar coletivos sem bilhete eletrônico

Seguindo recomendação do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), a Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes começou a retirada de circulação dos veículos do transporte alternativo municipal que não estiverem equipados com os equipamentos para recebimento da bilhetagem eletrônica, o VEM. Segundo o secretário Executivo de Trânsito e Transporte do município, William Carvalho, o processo de instalação começou no ano passado e o prazo para instalação era até dezembro de 2012.

“O prazo foi prorrogado e agora, seguindo a recomendação do MPPE, vamos começar a retirar de circulação os veículos da frota municipal que não estiverem com o equipamento. Fizemos esse acordo com os permissionários desde o ano passado”, explicou o secretário. Atualmente, o município conta com uma frota de 380 veículos. Desses, já foram detectados 60 que ainda não instalaram o equipamento.

“Os veículos que não estiverem com o sistema instalado e funcionando serão retirados de circulação. Assim que eles instalarem o equipamento poderão voltar a circular normalmente. O intuito é fazer com que o sistema funcione plenamente no município”, disse William Carvalho.


Leitor reclama de serviço da Compesa em Piedade

Segund0 morador, água chega sem força às casas da rua Rui Barbosa (Foto: Paulo Marcelino/Divulgação)

Olá, moro na rua Rui Barbosa, em Piedade, Jaboatão dos Guararapes.Nessa rua estamos passando por vários problemas estruturais, mas o mais grave é com a Compesa.

O abastecimento de água praticamente não existe. A água chega sem força na maioria das residências e em outras nem isso ocorre. Quem tem uma bomba super-potente puxa água direto da rede e piora mais ainda a vida das demais pessoas.

Em minha casa, tenho uma cisterna que fica a quase dois metros de profundidade e nem assim a água chega. Já reclamei com a Compesa várias vezes. Precisamos urgente de uma oportunidade para expor essa situação.