Raquel Lyra durante campanha em Caruaru
Raquel Lyra durante campanha em CaruaruFoto: Divulgação

Prefeita eleita de Caruaru, no Agreste, a deputada estadual Raquel Lyra (PSDB) foi a única mulher a conseguir se eleger nas 57 cidades brasileiras onde foi disputado o segundo turno, no último domingo (30). A tucana derrotou o candidato alinhado com o governador Paulo Câmara (PSB), o deputado estadual Tony Gel (PMDB), por 53,15% dos votos válidos, contra 46,85% do peemedebista.

O ano de 2016 foi desfavorável para as mulheres que tentaram uma vaga em prefeituras. No último domingo, entre capitais, nenhuma mulher saiu vitoriosa.

Houve casos em que a segunda colocada ficou muito próxima do prefeito eleito, como ocorreu em Florianópolis. Lá, Gean Loureiro (PMDB) obteve 50,26% dos votos válidos e derrotou Angela Amin (PP), que obteve 49,74% dos votos.

Dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) apontam que 637 mulheres se elegeram prefeitas no primeiro turno, de um total de mais de cinco mil cidades. Foram 2.148 mulheres concorrendo para as prefeituras em todo o País. No primeiro turno, Teresa Surita (PMDB) venceu o pleito com 79,39% dos votos. Não fosse essa vitória, nenhuma capital seria governada por uma mulher. Com informações do Estado de S. Paulo.

comece o dia bem informado: