'A Presepada', especial da Globo Nordeste, vai ao ar neste sábado

Produzido por uma equipe pernambucana, o telefilme 'A Presepada' leva para a TV um enredo com referências da cultura popular nordestina

Cena de "A presepada"Cena de "A presepada" - Foto: Divulgação

A programação de fim de ano já é uma tradição na TV brasileira. Buscando regionalizar esse conteúdo, a Globo preparou especiais regionais inéditos para serem exibidos em afiliadas de quatro estados diferentes. Em Pernambuco, a Globo Nordeste transmite o telefilme "A Presepada", neste sábado, às 15h. Realizada por uma equipe inteiramente pernambucana, a produção leva para a telinha referências da identidade cultural nordestina, com uma história que envolve humor e romance.

Produzido pela ZQuatro Studio, "A Presepada" conta com roteiro de Cadu Pereiva e direção de Rodrigo César. A trama tem como personagem central o trambiqueiro Hiltinho (Tay Lopez). Fugindo de sua cidade, após dar um golpe, ele assume a identidade de um padre que seguia como novato para uma igreja na fictícia Belém de Nazaré. Para ajudar a paróquia a sair de uma crise financeira, ele mobiliza a cidade na organização de uma cantata natalina e de um presépio. De quebra, acaba se apaixonando por Elaine (Camila Bastos), filha do prefeito (Zé Ramos).

"Eu busquei trabalhar os arquétipos presentes no presépio e os personagens que estão enraizados na cultura popular nordestina, como o bêbado e o cantador", afirma Cadu Pereiva, que classifica o roteiro como uma história de redenção. "Diante do mundo que estamos vivendo, queria mostrar a importância da verdade e do amor. São coisas das quais precisamos não só no Natal, mas em todas as épocas do ano", aponta.

Leia também:
Cine Pin’Ar exibe filmes na piscina no Recife com debate de historiador de arte francês
Marcelo Brennand grava 'Curral', seu próximo filme, em Gravatá
Globoplay: cem séries internacionais até o final do próximo ano


O projeto foi selecionado entre mais de 40 propostas enviadas ao canal de televisão. As filmagens ocorreram ao longo de sete dias, no mês de outubro, nas cidades de Paudalho e Carpina, na Zona da Mata Norte do Estado. De acordo com Rodrigo César, as gravações foram realizadas com equipamentos utilizados no cinema, dando à produção um visual cinematográfico.

"Nós unimos três segmentos narrativos: live action, animação e musical. Tudo isso precisa casar muito bem, de uma maneira que ajude a contar essa história", aponta o diretor. O poeta, cantador, cordelista e violeiro Adiel Luna faz uma participação como um repentista cego, cuja cantoria entrelaça boa parte das cenas. Já o ilustrador Lehi Henri, desta Folha de Pernambuco, assina as animações de xilogravuras que surgem ao longo do filme.

Outros especiais também vão ao ar na Globo Minas, Globo Brasília e TV Verdes Mares, do Ceará. Realizado em parceria com a Globo Filmes, o projeto conta consultoria dos diretores José Alvarenga Jr. e Luiz Henrique Rios. "Acho uma iniciativa importante, porque movimenta o mercado local. Além disso, a ideia é que as pessoas possam se reconhecer na tela, ouvindo seu próprio sotaque", defende Rodrigo. 

Após a exibição em Pernambuco, "A Presepada" deve entrar no catálogo do serviço de streaming Globoplay, ficando disponível para ser assistida no restante do Brasil e outros países.

Veja também

Vítima de homofobia, atriz Olívia Torres diz que vai processar agressor
Famosos

Vítima de homofobia, atriz Olívia Torres diz que vai processar agressor

Tiago Abravanel diz que teve convivência 'quase nula' com Silvio Santos na infância
Live

Tiago Abravanel diz que teve convivência 'quase nula' com Silvio Santos na infância