Arte na Usina propõe um novo olhar sobre a cultura

Festival Arte na Usina será realizado na Usina Santa Terezinha, no município de Água Preta. Começa nesta sexta-feira (9) e segue até o dia 17

Festival chega a sua 4ª ediçãoFestival chega a sua 4ª edição - Foto: Andrea Rego Barros/Divulgação

"Ruptura e Renascimento" é o tema da 4ª edição do Festival Arte na Usina - Safra 2018, que será realizado entre os dias 9 e 17 de novembro, no engenho Santa Tereza, município de Água Preta, a cerca de 125 km do Recife. O evento propõe lançar novos olhares sobre o espaço onde é sediado, desenvolvendo a cultura a partir de práticas e vivências artísticas. A programação conta com oficinas, exposições e shows de Chico César, Cordel do Fogo Encantado, Josildo Sá, que lança seu novo DVD, entre outros.

Muito mais do que o objeto norteador para as atividades deste ano, "ruptura e renascimento" retratam bem a realidade da Usina Santa Terezinha, desativada há mais de 15 anos, que tem o seu entorno e a vida dos moradores transformados através da arte. "Quando chegamos por lá, as pessoas tinham a esperança de que reativássemos a Usina, mas era algo financeiramente inviável.

No início, a comunidade estranhou a nossa presença, mas à medida que fomos implementando o projeto, eles foram se adaptando e hoje gostam muito", conta Bruna Pessoa de Queiroz, presidente da Associação Sociocultural Ambiental Jacuípe, que coordena o Festival. Para Bruna, além da transformação econômica, o que também chama a atenção é a autoestima dos moradores. "A gente sabe da importância de restabelecer a movimentação econômica do local, mas é muito bom perceber que a comunidade passa a confiar mais no seu potencial de gerar renda, cuidar dos próprios negócios, atrair lucros", completa.

Leia também:
Festival Bar em Bar começa nesta quinta no Recife
REC'n'play: Romero Ferro, Barro, Alice Caymmi e Mariana Aydar cantam no Recife
TV Pernambuco lança novo programa em evento na Fundação Joaquim Nabuco


A Usina de Arte, razão social da Associação Jacuípe, funciona o ano inteiro com uma série de projetos, entre escola de música, oficinas, eventos e ações de apoio ao empreendedorismo local. O festival funciona como um catalisador das atividades desenvolvidas, a fim de difundi-las e multiplicá-las. "O festival é apenas a culminância do nosso projeto. Além de celebrar todas as realizações, esse encontro também tem o intuito de atrair mais gente de Água Preta e das comunidades vizinhas", ressalta Ricardo Pessoa de Queiroz Filho, marido de Bruna, com quem divide a coordenação do evento.

Com curadoria de José Rufino e Fábio Delduque, as atividades artísticas serão realizadas em harmonia com a natureza, já que o espaço abriga um jardim botânico decorado com obras de artistas brasileiros, como Paulo Bruscky, Hugo França, Carlos Mélo e Francisco Brennand. As atrações musicais já começam nesta sexta-feira (9), com show de Beto Ortiz e Josildo Sá, que lança seu novo DVD "Sons da Latada". No sábado (10), o Maxambomba, projeto de Adiel Luna, Tomás e Miguel, e o cantor Almério comandam o palco.

No dia 15, Bruno Lins e os DJs Edinho Jacaré e Valdir Português se apresentam. Chico César e DJ Dolores são os nomes do dia 16 e, fechando a programação no dia 17, Cordel do Fogo Encantado e Lala K encerram os shows. Todas as apresentações começam às 21h.

No campo das artes visuais, a grande atração é o uruguaio Clemente Padín, que apresentará a exposição "Clemente Padín: Poesia Virtual". Também participam do festival os artistas Estela Miazzi, Rodrigo Bueno, o estilista Ronaldo Fraga, Aline Albuquerque, Fábio Delduque e a designer e ilustradora Clara Moreira.

Serviço:
Festival Arte na Usina - Safra 2018
Usina Santa Terezinha (Rodovia PE 99, km 10, Água Preta)
De 9 a 17 de novembro
Informações: (81) 3419-8070 e www.usinadearte.org
Gratuito

Veja também

Mayra Cardi diz que se arrepende de expor traições de Arthur Aguiar
Famosos

Mayra Cardi diz que se arrepende de expor traições de Arthur Aguiar

Site traz mapeamento de artesãs têxteis em Pernambuco
Artesanato

Site traz mapeamento de artesãs têxteis em Pernambuco