Filme 'Corpo e alma' apresenta história sutil e envolvente

Produção húngara, que estreia, nesta quinta-feira (18), nos cinemas, subverte a linguagem da comédia romântica

Filme 'Corpo e Alma'Filme 'Corpo e Alma' - Foto: Imovision/Divulgação

É interessante a maneira como evolui o romance de "Corpo e alma". Vencedor do Urso de Ouro, prêmio máximo do Festival de Berlim, em 2017, e um dos nove filmes ainda na disputa do Oscar de melhor filme estrangeiro (a lista dos cinco finalistas será divulgada no dia 23 de janeiro), o filme húngaro é dirigido por Ildikó Enyedi.

A história é sobre Endre (Géza Morcsányi), que trabalha em um abatedouro, e Mária (Alexandra Borbély), recém-contratada para avaliar a higiene e a qualidade da carne do estabelecimento. O filme entra em cartaz amanhã no Cinema do Museu (no bairro de Casa Forte).

Mária rapidamente se torna uma piada entre os colegas de trabalho, que riem de seu comportamento reservado e rigoroso, quase um robozinho. Endre parece encantado por ela, um fascínio instintivo, uma mistura entre atração, curiosidade, afinidade. O roteiro faz a aproximação entre os dois através de um belo toque de fantasia, um momento que parece ressoar de forma emocional o que está sugerido no título, e revelar mais parece estragar uma surpresa que cresce com beleza durante o filme.



A relação entre eles lembra vagamente uma comédia romântica, mas a diretora parece revirar com prazer os códigos que constituem esse gênero, do amigo com quem o protagonista compartilha sua intimidade aos erros e acertos que aproximam o casal central. Há humor, mas é um estilo que parece mais desafiador e incômodo do que um tipo convencional de comédia. Há também um sentido de contemplação que torna a história mais lenta e ao mesmo tempo mais envolvente.

Leia também:
Vale a pena assistir 'Voldemort: A Origem do Herdeiro', filme feito por fãs?
Filme sobre Winston Churchill estreia nesta quinta-feira no Recife
Filme 'O Rei do Show' é um espetáculo para os olhos

Parte dessa maneira de revigorar a comédia romântica está no próprio cenário: um abatedouro, um espaço frio e bruto. Um incidente traz uma psicóloga à empresa, que para resolver um roubo faz perfis psicológicos de todos que trabalham na firma. Tudo parece conectado de forma a encaminhar com humor e um tom de surpresa a gradual aproximação desse casal. Suas manias, obsessões e intimidades sendo reveladas através de um roteiro que nunca perde de vista o impacto emocional dessa união.

Cotação: ótimo

Veja também

Cantora Vanusa: com Alzheimer e internada sob cuidados médicos
Hospitalizada

Cantora Vanusa: com Alzheimer e internada sob cuidados médicos

Novo irmão de Anitta vai adotar sobrenome da família da cantora
Mesmo DNA

Novo irmão de Anitta vai adotar sobrenome da família da cantora