Há cinco anos, o rock nacional perdia Chorão; relembre sucessos

Nome do cantor tornou-se o assunto mais comentado no Twitter nesta terça (6), com 20,3 mil Tweets

Chorão deixou uma legião de fãs do Charlie Brown Jr.Chorão deixou uma legião de fãs do Charlie Brown Jr. - Foto: Divulgação

Há exatamente 5 anos, em 6 de março de 2013, morria o cantor Chorão, líder e vocalista da banda Charlie Brown Jr. Na manhã desta terça-feira (6), o assunto era o mais comentado no Twitter, com 20,3 mil Tweets citando o cantor, que deu voz a sucessos como "Proibida pra mim", "Pontes indestrutíveis" e "Te levar". 

A viúva Graziela Gonçalves, que foi casada mais de 15 anos com o músico, também prestou homenagem, com uma foto junto com ele e uma mensagem comovente no Instagram. "A luz é toda sua. Tenho certeza que você escuta. Não só a mim, mas a tantas pessoas que levam o teu nome nas orações que mandam pro céu. E assim você se torna eterno. Pra sempre gravado no coração de todos que te amaram e ainda te amam e que tem a certeza de que nada foi em vão", diz Graziela em parte da publicação

Chorão foi encontrado morto em seu apartamento, no bairro de Pinheiros, Zona Oeste de São Paulo. De acordo com perícia realizada pelo Instituto Médico Legal (IML) paulistano, o cantor morreu em decorrência de uma overdose. Relembre algumas músicas.

Só os loucos sabem:


Proibida pra mim:


Te levar:


Pontes indestrutíveis:


Ela vai voltar:

 

Veja também

Cida Pedrosa vence nas categorias Livro do Ano e Poesia no Prêmio Jabuti 2020
Literatura

Cida Pedrosa vence nas categorias Livro do Ano e Poesia no Prêmio Jabuti 2020

'Camarote', de Safadão, foi a música mais tocada nos últimos cinco anos no Brasil; veja a lista
Música

Veja a lista das 10 músicas mais tocadas no Brasil