Construção civil registra inflação de 0,91% em julho, diz FGV

A maior alta de preços foi observada no custo da mão de obra, que ficou 1,63% mais cara em julho

ImóveisImóveis - Foto: Alfeu Tavares/Folha de Pernambuco

O Índice Nacional de Custo da Construção – M (INCC-M) registrou inflação de 0,91% em julho, percentual superior ao apurado no mês anterior (0,44%). Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), o INCC-M acumula taxas de 2,73% no ano e de 3,95% em 12 meses.

A maior alta de preços foi observada no custo da mão de obra, que ficou 1,63% mais cara em julho. A mão de obra auxiliar teve inflação de 1,74%.

Leia também:
Inflação da construção civil é de 0,35% em junho
Prévia da inflação oficial fica em 0,09% em julho, diz IBGE


Os serviços ficaram 0,20% mais caros no mês, puxados principalmente pelos aluguéis e taxas (0,34%).

Os materiais e equipamentos tiveram uma taxa mais moderada (0,04%). Se por um lado, o material para pintura ficou 1,63% mais caro, por outro, o material metálico ficou 0,65% mais barato.

Veja também

Funcionários tentam derrubar MP que permite privatização de subsidiárias da Caixa
governo

Funcionários tentam derrubar MP que permite privatização de subsidiárias da Caixa

Retorno da Feira da Sulanca de Caruaru contou com fiscalização, testagem e distribuição de EPI
Caruaru

Retorno da Feira da Sulanca de Caruaru contou com fiscalização, testagem e distribuição de EPI