[Fotos] Ato de cegonheiros aguarda Temer em frente à fábrica da Jeep em Goiana

Na última semana, o Governador Paulo Câmara recebeu a categoria e pediu um prazo de dez dias para resolver a situação

Cegonheiros protestam em frente à JeepCegonheiros protestam em frente à Jeep - Foto: Cortesia/Whatsapp

Em frente à fábrica da montadora da Jeep em Goiana, na Região Metropolitana do Recife, cegonheiros fazem prontidão na manhã desta sexta-feira (23). Eles querem aproveitar a visita do presidente Michel Temer e de outras autoridades, como o presidente da companhia e o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, para protestar. 

Leia também:
MST realiza protesto e bloqueia BR-101 durante visita de Temer a PE
Michel Temer visita fábrica da Jeep antes de discursar
Cegonheiros voltam a protestar nas ruas do Recife

A reivindicação da categoria já dura há oito meses pela cobrança da implementação do Prodeauto, que tem como finalidade atrair e fomentar investimentos no setor automotivo, mediante concessão de incentivos fiscais na área do ICMS. "Já estamos há oito meses protestando, conversamos com o governador Paulo Câmara no último dia 12 e ele nos deu um prazo de dez dias para resolver nossa questão", afirmou Milton Freitas, presidente do Sindicato dos Transportadores Autônomos e Micro Empresas de Veículos Congêneres do Estado de Pernambuco Cegonheiros (Sintraveic). 

Outra demanda que a categoria busca solucionar é a contratação de mão de obra para os motoristas de Pernambuco nas fábricas de Goiana. No momento encontram-se 70 cegonheiros com 34 caminhões parados em frente a Fábrica da Fiat.

A reportagem do Portal FolhaPE consultou o Governo do Estado mas ainda não obteve informações oficiais.  

Mais informações em instantes.

Veja também

Brasil retoma da produção de urânio na Bahia
Urânio

Brasil retoma da produção de urânio na Bahia

Facebook vai pagar por notícias no Reino Unido
Negócios

Facebook vai pagar por notícias no Reino Unido