Mais de 6 milhões de pessoas em desemprego parcial no Reino Unido pela pandemia

Dados mostram que quase 20% da população ativa do país, constituída por 34,4 milhões de trabalhadores, está temporariamente sem trabalho

Desemprego no Reino UnidoDesemprego no Reino Unido - Foto: Oli Scarff/ AFP

Quase 6,3 milhões de pessoas entraram em desemprego parcial no Reino Unido, aproveitando a compensação de emergência criada pelo governo britânico para a crise do coronavírus, informou o ministro das Finanças, Rishi Sunak.

Isto representa quase 20% da população ativa do país, constituída por 34,4 milhões de trabalhadores, segundo as estatísticas mais recentes.

Leia também:
Brasil vive apagão estatístico sobre mercado de trabalho
Empregos de 5 milhões de trabalhadores formais são afetados após pandemia

Um total de 800.000 empresas aproveitaram o plano para evitar demissões durante a interrupção da atividade, pela qual o governo cobre 80% dos salários até 2.500 libras mensais, afirmou Sunak.

O plano deve prosseguir em vigor até o fim de junho, mas o ministro destacou que não será interrompido "da noite para o dia".

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

 

Veja também

Fala de fundadora do Nubank sobre negros mostra incompreensão, dizem especialistas
economia

Fala de fundadora do Nubank sobre negros mostra incompreensão, dizem especialistas

STF inicia julgamento sobre ICMS de gás importado da Bolívia
economia

STF inicia julgamento sobre ICMS de gás importado da Bolívia