Pernambuco mostra projetos para a China

No evento do Lide China, que acontece no próximo dia 6 em São Paulo, órgãos de Pernambuco vão apresentar projetos de infraestrutura para empresários chineses

Antonio Mario de Abreu Pinto, secretário de Desenvolvimento Econômico de PernambucoAntonio Mario de Abreu Pinto, secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco - Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

Maior parceiro comercial do Brasil, a China é uma potência econômica da qual Pernambuco busca ser aproximar. Por isso, os projetos estruturantes do Estado serão apresentados para empresários chineses durante o evento do Lide China, que vai acontecer na próxima quinta-feira (6), em São Paulo. Intitulado como seminário de “Projetos de Infraestrutura no Estado de Pernambuco”, o encontro vai reunir órgãos estaduais, como a Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper), a Compesa e o Porto de Suape.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Antonio Mario, importantes obras para o Estado que estão paralisadas serão apresentadas no evento. “A Transnordestina e o Miniarco são alguns exemplos sobre o que vamos conversar. A ideia é que empresas chinesas se habilitem a fazer parcerias com o Estado. Pretendemos dar início a processos de conversas importantes para esse processo”, destacou o secretário.

Ainda segundo Mario, a secretaria está firmando convênio com o Instituto Confúcio para preparar futuros gestores e estudantes brasileiros ao ensino da língua chinesa. “Vamos organizar o documento para que seja possível assinar esse protocolo de parceria. Isso será importante para os brasileiros compreenderem a língua e a cultura chinesas”, disse.

Leia também:
Suape mira terminal de minério de ferro
Comissão de tecnologia da China prospecta novas parcerias em Pernambuco
Contra o novo redesenho da Ferrovia Transnordestina

Por sua vez, o presidente do Porto de Suape, Carlos Vilar, irá apresentar as potencialidades do terminal durante o Lide China. “Vou falar sobre o Terminal de Minérios, que é uma obra fundamental que pretendemos construir. Então, vamos atrás de interessados”, comentou. A cônsul geral da China no Recife, Yan Yuqing, também participará da comitiva pernambucana.

Veja também

Oi define mínimo de R$ 20 bilhões para venda de unidade de fibra
telecomunicação

Oi define mínimo de R$ 20 bilhões para venda de unidade de fibra

Desembargador suspende investigação sobre Guedes
justiça

Desembargador suspende investigação sobre Guedes