Em despedida, PSG agradece passagem de Daniel Alves

O lateral da Seleção Brasileira e o clube francês decidiram pela não renovação do contrato, que expira no dia 30

Daniel Alves durante treino do PSGDaniel Alves durante treino do PSG - Foto: FRANCK FIFE / AFP

O Paris Saint-Germain confirmou o desligamento do lateral Daniel Alves, que anunciou sua saída do clube francês em texto publicado no Instagram, na madrugada deste domingo (23). Em seu site oficial, o PSG afirmou que as duas partes chegaram a um comum acordo e decidiram não renovar o contrato que terminaria no próximo dia 30.

O clube agradeceu a Daniel Alves "por trazer sua imensa experiência e profissionalismo ao longo da sua passagem pela capital" e lembrou dos feitos do lateral no time. Daniel Alves foi o 30º brasileiro a vestir a camisa do clube e, durante os dois anos que defendeu o PSG, marcou oito gols, deu 18 assistências e ajudou a conquistar dois campeonatos franceses, uma Copa da França, uma Taça da Liga Francesa e uma Supercopa Francesa.

Nasser Al-Khelaifi, presidente do clube, também deixou seu agradecimento ao lateral brasileiro. "Há dois anos, depois de suas experiências na Espanha e na Itália, Dani escolheu o Paris Saint-Germain, quando teve a oportunidade de embarcar em um novo desafio. Estamos satisfeitos que este grande jogador deixe Paris com vários troféus com as nossas cores. Desejo-lhe o melhor nos próximos desafios que estão à frente no caminho", declarou o mandatário.

Daniel Alves está com a delegação da Seleção Brasileira que disputa a Copa América 2019. Na partida deste sábado (22), inclusive, o lateral marcou um dos cinco gols da goleada sobre os peruanos, na Arena Corinthians.

Veja também

Brasileira nada mais de 30 horas ininterruptas e bate recorde mundial
Natação

Brasileira nada mais de 30 horas ininterruptas e bate recorde mundial

Corinthians confirma contratura muscular de Cássio, que inicia tratamento
Futebol

Corinthians confirma contratura muscular de Cássio, que inicia tratamento