Equipe brasileira de ginástica é ouro no Pan de Lima

A nota do Brasil superou a conquistada na competição em 2011, e se repetida no Mundial, valerá o quinto lugar

Equipe brasileira de ginástica artística comemora medalha de ouro no Pan de Lima-2019Equipe brasileira de ginástica artística comemora medalha de ouro no Pan de Lima-2019 - Foto: LUIS ROBAYO / AFP

Neste domingo (28), o time masculino do Brasil de ginástica esperou por quatro horas até que tivesse certeza do bom trabalho feito e da conquista do ouro nos Jogos Pan-Americanos Lima 2019. A equipe competiu mais cedo e teve de esperar os poderosos americanos passarem pelos seis aparelhos.

O Brasil teve pontuação geral de 250,450 pontos, já os americanos ficaram com 248.850. Arthur Zanetti, que ao lado de Chico Barreto já tinha conquistado o ouro em Guadalajara 2011, ressaltou a presença de jovens na equipe. “Os próximos anos a gente tem que colocar um novatinho aí no meio do time. Mas foi ótimo, o resultado foi incrível, foi até o final mesmo, ponto a ponto, e a gente fazendo conta, mas deu tudo certo com o esforço e o trabalho de todo mundo.”

A espera pelas notas dos americanos deixou os brasileiros tensos. “Estávamos apreensivos até o final e deu certo”, declarou Arthur Nory.

Finais individuais


Arthur Nory se destacou entre todos os ginastas que competiram. O medalhista de bronze nas Olimpíadas do Rio chega à final do individual geral em segundo lugar. Caio Souza também está na final no individual. A competição geral acontece nesta segunda-feira (29), tanto para homens quanto para as mulheres. Serão quatro brasileiros em atividade, já que Flávia Saraiva e Thais Fidelis estão classificadas no feminino.

Leia também:
Medalhista, Talisca volta à arena para ver o namorado no Pan
No tiro esportivo, Júlio Almeida conquista o bronze no Pan
Brasil ganha prata e bronze no primeiro dia de taekwondo no Pan


Aparelhos

Nory ainda vai disputar medalhas em outros três aparelhos: solo, barra fixa e barra paralelas. Arthur Zanetti está nas finais das argolas e no solo. Chico Barretto vai para as finais no cavalo com alças e barra fixa. Caio Souza está na final das barras paralelas e das argolas. Luis Porto, em seu primeiro Pan, poderá ganhar medalha no salto. “Estou muito feliz e vou focar na final do salto. Vou trabalhar para levar mais uma”, disse. As decisões por aparelhos acontecem nos dias 30 e 31 de julho.

Veja também

Ibama diz ter R$ 19 mi em pendências e interrompe ação de brigadistas em combate a incêndios
meio ambiente

Ibama diz ter R$ 19 mi em pendências e interrompe ação de brigadistas em combate a incêndios

Barroso diz que plano de proteção a índios contra Covid é 'genérico e vago'
Coronavírus

Barroso diz que plano de proteção a índios contra Covid é 'genérico e vago'