Esfacelado, Tricolor joga pela sobrevivência no Nordestão

Santa Cruz terá de superar série de desfalques para conseguir vitória no confronto decisivo contra o Botafogo/PB

Recuperado, Pipico é alento para Santa contra BeloRecuperado, Pipico é alento para Santa contra Belo - Foto: Rafael Melo / Santa Cruz

O futuro do Santa Cruz na Copa do Nordeste depende diretamente da missão desta quinta-feira, quando os tricolores recebem o Botafogo/PB, às 19h30, no Arruda, pela penúltima rodada da 1ª fase. Somente os três pontos interessam aos pernambucanos, atualmente na sétima posição do Grupo B com sete pontos, um atrás do quarto colocado, o Ceará, que fecha o G4. Apesar de a eliminação não vir automaticamente, a derrota ou um empate complicam a Cobra Coral, visto que o duelo contra os paraibanos é o primeiro da rodada. O fato exigiria a ocorrência de uma série de resultados favoráveis para o Mais Querido seguir vivo na competição.

Para cumprir o dever de casa, Itamar Schülle precisará antes preencher as lacunas no time titular. Isso porque o drama das lesões segue atormentando a preparação dos tricolores. Os nomes da vez são Danny Morais e Paulinho. Este último já havia sido vetado pelo departamento médico no clássico contra o Sport devido ao CK alto e novamente não reúne condições, mesmo caso do capitão tricolor. Victor Rangel e Bileu não participaram do treino na terça-feira e serão reavaliados. Há três semanas sem entrar em campo, Pipico é o alento para Schülle. O atacante se recuperou da lesão de grau dois no músculo adutor da coxa direita e deve entrar como titular, mesmo sem conseguir atuar os 90 minutos.

No caso de William Alves e Fabiano, ambos foram advertidos no Clássico das Multidões com o terceiro cartão amarelo na competição e estão suspensos. Com as incontáveis ausências, o técnico tricolor precisará usufruir das alternativas no elenco. É provável que Denilson e Feliphe Gabriel substituam a dupla de zaga titular, enquanto Junior será improvisado na lateral esquerda para completar a defesa. Se Bileu não apresentar condições, a polivalência de Chiquinho será útil, formando o meio de campo ao lado de André e Didira. Mayco Félix, Patrick Nonato e Pipico começam no setor ofensivo, com Victor Rangel sendo o provável substituto do camisa 9 no decorrer do jogo.

A disputa entre a Cobra Coral e o Belo proporciona alguns reencontros. Ex-técnico do time paraibano, Schülle revê o clube onde trabalhou entre 2016 e 2017 e foi campeão estadual. Maior nome do elenco, Léo Moura foi contratado no início do ano pelo Botafogo/PB e irá visitar o Arruda pela primeira vez desde que se despediu em 2016, quando defendeu o Tricolor na Série A e se tornou campeão do Nordestão. Em coletiva realizada nesta quarta-feira, o treinador coral revelou que o lateral-direito foi oferecido ao Santa, mas a negociação foi descartada pela dificuldade financeira.

Ficha técnica

Santa Cruz
Maycon Cleiton; Toty, Denilson, Feliphe Gabriel e Junior; Chiquinho (Bileu), André e Didira; Mayco Félix, Patrick Nonato (Victor Rangel) e Pipico. Técnico: Itamar Schülle.
Botafogo/PB
Felipe, Léo Moura, Fred, Luís Gustavo e Christianno; Wellington Cézar, Everton Heleno, Juninho, Cássio Gabriel e Rodrigo Andrade; Lohan. Técnico: Evaristo Piza.
Local: Arruda
Horário: 19h30. Árbitro: Léo Simão Holanda (CE). Assistentes: Jailson Albano da Silva e Renan Aguiar da Costa (ambos de CE). Transmissão: Live FC e Youtube.

Leia também:
Schülle revela que Léo Moura foi oferecido ao Santa
Schülle lamenta ausências e volta a comentar falta de opções

Veja também

Rafael Ribeiro será emprestado ao Fluminense em 2021
Futebol

Rafael Ribeiro será emprestado ao Fluminense em 2021

São Paulo goleia o Taboão por 29x0 pelo Paulista feminino
Futebol feminino

São Paulo goleia o Taboão por 29x0 pelo Paulista feminino