Ex-jogador do PSG diz que Neymar 'cospe' na camisa do clube

Jérôme Rothen tratou o brasileiro como um dos melhores do mundo, mas disse que ele cospe na camisa do clube com suas atitudes

Neymar, atacante do PSGNeymar, atacante do PSG - Foto: Dominique Faget/AFP

Jérôme Rothen não economizou nas críticas contra Neymar. Neste final de semana, o ex-jogador do Paris Saint-Germain o tratou como um dos melhores do mundo, mas disse que o brasileiro "cospe" na camisa do clube com suas atitudes. "Como você quer que ele fique quando ele próprio não quer mais estar em Paris? Eu conheço muitas pessoas que gostaram da vinda do Neymar. Mas eu falo isso no passado, porque, hoje, ele cospe na camisa e nas pessoas que gastam boa parte de seus salários em assinaturas que pagam o salário de Neymar", disparou Rothen em entrevista ao jornal "Le Parisien".

Leia também:
Neymar sabe que não é fácil convencer de que está aqui por nós, diz técnico do PSG
[Vídeo] Com Neymar, Tite convoca Seleção Brasileira}
"Nenhum avanço" na transferência de Neymar, diz Leonardo
Neymar treina separadamente no PSG

O ex-atleta deixou clara sua desaprovação a uma fala específica de Neymar. Em julho de 2019, o atacante escolheu a goleada do Barcelona sobre o PSG como o melhor momento de sua carreira -na ocasião, ele ainda defendia o clube catalão e foi fundamental no jogo da Liga dos Campeões. "É nojento quando ele diz que a melhor lembrança de sua carreira é a virada do Barcelona, um jogo que é a maior decepção na história do PSG. Os insultos foram longe demais, é claro, mas os torcedores estão certos em não deixar isso acontecer. Neymar é inteligente. Ele disse isso conscientemente porque sabia que, a partir dali, teria apoio para sair", disse o ex-jogador.

"Neymar é um dos melhores jogadores do mundo. É incrível o que ele pode fazer com uma bola. Ele pode ser decisivo por qualquer equipe, mas se esqueceu do essencial: ele está em um clube que lhe dá condições de vida incríveis", completou Rothen.

Para ele, a saída de Neymar é questão de tempo. "Ele vai sair. As discussões são apenas financeiras, as concessões. A melhor coisa é que ele saia o mais rápido possível. Será uma perda, porque qualquer time é mais forte com o Neymar do que sem ele. Mas o PSG não sofre por falta de talento, e sim por falta de um padrão coletivo coeso", concluiu.

Veja também

São Paulo goleia o Taboão por 29x0 pelo Paulista feminino
Futebol feminino

São Paulo goleia o Taboão por 29x0 pelo Paulista feminino

Na Ressacada, Sport empata com Avaí no primeiro jogo das oitavas
Copa do Brasil sub-20

Na Ressacada, Sport empata com Avaí no primeiro jogo das oitavas