Incêndio no CT do Flamengo deixa dez mortos

Chamas atingiram parte utilizada para alojar garotos das categorias de base. Há ainda três feridos, sendo um grave

Imagens aéreas mostram destruição após incêndio no CT do FlamengoImagens aéreas mostram destruição após incêndio no CT do Flamengo - Foto: Reprodução/TV Globo

Apenas dois anos após a queda do avião que levava a equipe da Chapecoense a Colômbia, que matou 71 pessoas, o futebol brasileiro voltou a viver mais um triste capítulo de sua história. Um incêndio no Ninho do Urubu, centro de treinamento do Flamengo, na manhã desta sexta-feira (8), no Rio de Janeiro, deixou dez mortos e três feridos - um deles em estado grave. Todas as vítimas, as fatais e sobreviventes, eram atletas das categorias de base do Rubro-negro. No momento do acidente, 26 atletas estavam no alojamento. Destes, 13 conseguiram escapar.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para conter o incêndio às 4h17 (horário do Recife). O fogo atingiu a ala mais velha do CT, que servia de alojamento para as categorias de base e recebia jogadores de 14 a 17 anos de idade. As chamas foram controladas às 6h.

Leia também:
Jovem com 30% do corpo queimado segue em estado grave, diz Flamengo
Área de alojamento não constava em alvará, diz prefeitura
Veja as vítimas identificadas da tragédia no Flamengo
Personalidades e clubes mostram apoio ao Flamengo
Jogos terão um minuto de silêncio em homenagem as vítimas de incêndio

O primeiro atendimento aos feridos foi feito no Hospital Municipal Lourenço Jorge. Segundo a secretaria de saúde do Rio, a vítima em situação mais grave é Jonathan Cruz Ventura, de 15 anos, que tem cerca de 30% do corpo com queimaduras de terceiro grau. Ele foi atingido na face, membros superiores e mãos e transferido para o Hospital Municipal Pedro 2º, no Rio de Janeiro, onde continuava internado até o fechamento desta edição.

Os outros feridos, Kauan Emanuel, 14, e Francisco Dyogo, 15, estão acordados e conscientes, de acordo com a nota oficial do Flamengo. Eles seguem internados no Hospital Vitória. "Os meninos apresentam algumas lesões de via aérea por inalação de fumaça e escoriações pelo corpo e seguem em observação, ficando internados na UTI de hoje para amanhã - este sábado (9). O chefe do Departamento Médico do Flamengo, Dr. Márcio Tannure, e o clínico cardiologista do Vitória, responsável pela internação dos atletas, Dr. Fernando Bassan, acompanham a evolução do quadro", conclui o texto.

"Estamos todos consternados. Essa é, certamente, a maior tragédia que esse clube passou em 123 anos de sua história, com a perda dessas 10 pessoas", resumiu o presidente do Flamengo, Rodolfo Landim. "O mais importante agora é a gente tentar minimizar o sofrimento e a dor dessas famílias. Vocês podem estar certos que o Flamengo está cuidando disso e não irá poupar esforços. Estamos colaborando com as autoridades para que as causas desse incêndio sejam apuradas."

O vice-governador do Rio, Cláudio Castro, esteve no Ninho do Urubu e afirmou que a principal suspeita no momento é de que uma pane no aparelho de ar-condicionado do alojamento tenha causado o incêndio.

Jefferson Rodrigues da Silva, dono de uma pensão próxima ao CT que recebe jovens em busca de oportunidade no clube, foi ao local para buscar informações sobre um de seus clientes, um rapaz de 15 anos do Tocantins que estava há dois anos treinando no clube.

Segundo ele, o atleta de nome Caique estava bem, mas muito abalado em razão da perda de colegas. Silva afirmou que ainda não há informações da causa do incêndio. Ele afirmou que o jovem relatou que tudo ocorreu muito rápido.

"Ele estava no alojamento e disse que quando percebeu o que estava acontecendo, não deu tempo de recolher seus pertences, porque as chamas se alastravam rapidamente. Ele perdeu o celular e estava em estado de choque, mas conseguiu se salvar", disse.

O enteado de Marcia Santos, 34, Samuel Barbosa, 16, estava no quarto em que o fogo começou. Segundo ela, apenas parte dos jovens conseguiu fugir. A família veio do Piauí há dois anos para que o jovem tentasse uma oportunidade no clube.

O Ninho do Urubu fica localizado no bairro de Vargem Grande, na zona oeste do Rio de Janeiro, e é utilizado para treinamentos do elenco profissional e das categorias de base. O local passou por reformas recentemente, com a inauguração de um novo módulo para os profissionais em novembro de 2018. Era previsto, inclusive, que a ala atingida pelo incêndio fosse demolida após a inauguração do novo espaço.

O Corpo de Bombeiros informou que o CT rubro-negro ainda passava por processo de regularização, para receber o Certificado de Aprovação (CA), que é o documento final emitido pela corporação. "O CA é a documentação que atesta a existência e o funcionamento dos dispositivos contra incêndio previstos pela legislação vigente. Não se trata de alvará de funcionamento (estabelecimentos comerciais) ou habite-se (imóveis residenciais). Estes documentos são emitidos pela Prefeitura", disse, em nota, a corporação..

O elenco principal do Flamengo tinha trabalho programado para o Ninho do Urubu na manhã de sexta, o que seria seu último treinamento antes do clássico contra o Fluminense, inicialmente agendado para este sábado (9), mas já adiado para quinta (14), pelas semifinais da Taça Guanabara.

A Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj) afirmou em sua conta no Twitter que a outra semifinal, entre Vasco e Resende, marcada para domingo (10), também foi adiada, para quarta (13). Com as mudanças, o jogo entre Fluminense e Antofagasta (CHI) pela Copa Sul-Americana, que seria na quarta, também foi remarcado, para o próximo dia 26.

Veja também

Santa Cruz estende o contrato de três jogadores até o fim da Série C
Futebol

Santa Cruz estende o contrato de três jogadores até o fim da Série C

Martelotte e dois jogadores do Santa Cruz testam positivo para a Covid-19
Futebol

Martelotte e dois jogadores do Santa Cruz testam positivo para a Covid-19