Juventus bate o Tottenham e avança na Liga dos Campeões

No jogo de ida, na Itália, as duas equipes haviam empatado em 2x2. Nesta quarta, Vecchia Signora virou o jogo em três minutos

Tottenham x Juventus, jogo de volta da Liga dos CampeõesTottenham x Juventus, jogo de volta da Liga dos Campeões - Foto: Ian Kington/AFP

A Juventus passou sufoco, mas contou com três minutos de inspiração para conseguir uma virada sobre o Tottenham e a vitória por 2x1, nesta quarta-feira (7), no estádio de Wembley, em Londres. O resultado garante o time italiano nas quartas de final da Liga dos Campeões da Europa.

No jogo de ida, na Itália, as duas equipes haviam empatado em 2x2. Na volta, Son Heung-Min abriu o placar para o Tottenham no primeiro tempo, mas Higuaín e Dybala fizeram os gols da classificação da Juventus na etapa final.

Leia também:
Final da Copa da Itália terá disputa Milan x Juventus
Buffon completa 40 anos e ganha homenagem da Juventus
PSG perde e falha de novo na tentativa de ser grande
Depois de eliminação, meia do PSG externa frustração

Classificada, a Juventus agora aguarda seu rival na próxima fase, que será definido em sorteio no dia 16 de março. Os jogos de ida das quartas de final acontecem nos dias 3 e 4 de abril. Já os confrontos de volta estão marcados para os dias 10 e 11.

Depois de empatar o jogo de ida fora de casa, o Tottenham começou o jogo acelerado, criando boas chances com o trio Dele Alli, Harry Kane e Heung-Min Son.

Aos 4 minutos, Son chutou forte pela esquerda e parou em boa defesa de Buffon. Depois, aos 19 min, a defesa da Juventus precisou se livrar para afastar a pressão londrina na área. Mais à frente, aos 32 min, Dele Alli aproveitou a sobra e chutou rasteiro, parando de novo no goleiro.

Melhor em campo, o Tottenham seguia pressionando e quase fez 1x0 aos 38 minutos: após ganhar da defesa pela esquerda, Son invadiu a área e bateu cruzado. A bola passou rente à trave de Buffon. Mas o gol acabou mesmo vindo um minuto depois, e dos pés do próprio coreano. Dele Alli invadiu a área pela direita e foi travado por Barzagli; na sobra, Trippier cruzou rasteiro para Son, que errou o chute, mas tirou de Chiellini para mandar para o gol aberto.

A Juventus demorou a crescer no jogo e ofereceu perigo em poucas chances no primeiro tempo. No segundo, teve a primeira grande chance aos 17 minutos. Após cruzamento que Jan Vertonghen cortou mal, a bola sobrou para Paulo Dybala, que bateu de primeira e, mesmo com o gol aberto, mandou longe do gol.

Mas a igualdade no placar finalmente chegou aos 19 minutos. Após cruzamento pela direita, Sami Khedira escorou de cabeça para Gonzalo Higuaín, que apareceu na segunda trave para desviar com o pé e tirar do goleiro Hugo Lloris.

Se a situação do Tottenham ficou ruim, piorou três minutos depois. Depois de belo passe em profundidade de Higuaín, Dybala saiu livre, invadiu a área em velocidade e bateu na saída de Lloris.

Com 36 minutos, o Tottenham teve a chance do empate: após receber a bola na área, Eriksen bateu para o gol, mas Asamoah desviou para a linha de fundo. Dois minutos depois, Son também tentou o chute de longe, mandando rente à trave direita de Buffon. O próprio coreano recuperou uma bola na linha de fundo aos 40 minutos e cruzou para a entrada da área, de onde Ben Davies chutou para fora.

Já aos 45 minutos, a grande chance londrina no segundo tempo, em uma cabeçada de Harry Kane que Buffon não alcançou. A bola bateu na trave e quicou na linha antes que Barzagli afastasse com um chutão.

Veja também

No retorno aos ringues, Tyson empata com Roy Jones Jr.
Boxe

No retorno aos ringues, Tyson empata com Roy Jones Jr.

Com arbitragem polêmica, Náutico perde para o Juventude e se afunda no Z4
Série B

Com arbitragem polêmica, Náutico perde para o Juventude e se afunda no Z4