Náutico já tem 6.500 ingressos vendidos para decisão

Timbu recebe o Paysandu, domingo (8), nos Aflitos, em jogo que vale o acesso para a Série B do Brasileirão em 2020

Torcida do Náutico nos AflitosTorcida do Náutico nos Aflitos - Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

Após o apito final do jogo de ida contra o Paysandu, no Mangueirão, em Belém (PA), pelas quartas de final da Série C do Campeonato Brasileiro de 2019, o vice-presidente do Náutico, Diógenes Braga fez questão de lembrar a importância que a torcida alvirrubra terá no próximo domingo (8), quando os times voltam a se encontrar, dessa vez no estádio dos Aflitos, no Recife. Com o 0x0 deste domingo (1º), as equipes estão em situação igual. Muda, no entanto, o fato de o Náutico atuar literalmente em casa, já que voltará a fazer uma partida decisiva dentro dos Aflitos.

“É imensurável a importância de ter os Aflitos em um momento de decisão como esse. É um diferencial. Você se sente forte. O elo é muito maior. Os Aflitos aproximam muito o time e a torcida”, destacou o dirigente, em entrevista concedida à rádio CBN Recife. “Esse é um jogo de 180 minutos. Jogamos 90, faltam 90. É um adversário muito duro. Vamos precisar jogar muito, vamos precisar do torcedor. Acredito que os torcedores vão esgotar os ingressos”, completou ele.

Neste domingo (1º), as bilheterias dos Aflitos estiveram abertas até às 17h, com registro de venda de 6.566 bilhetes. A carga total de ingressos que será comercializada para o jogo da volta entre Náutico e Paysandu será de 15.500. As bilheterias reabrem nesta segunda-feira (2), das 9h às 19h. O valor das entradas, no entanto, terá reajuste. O setor de R$ 40 passará a custar R$ 50, enquanto o de R$ 80 sairá por R$ 100.

Veja também

'Poderia ter sido de quatro', exalta Hélio dos Anjos após 1ª vitória no retorno aos Aflitos
Náutico

'Poderia ter sido de quatro', exalta Hélio dos Anjos após 1ª vitória no retorno aos Aflitos

Uefa analisa Liga dos Campeões com mínimo de 10 jogos por time
Liga dos Campeões

Uefa analisa Liga dos Campeões com mínimo de 10 jogos por time