Receitas do Inter caem quase 70% em balanço sobre pandemia

No quadro social, a queda registrada foi de 18% entre o projetado e o obtido

Presidente colorado foi um dos casos do coronavírus no futebolPresidente colorado foi um dos casos do coronavírus no futebol - Foto: Divulgação / Internacional

Seis das nove receitas do Internacional tiveram queda no período entre janeiro e abril, de acordo com balancete enviado aos conselheiros do clube e obtido pela reportagem. O documento é o primeiro gerado pela diretoria que traz real impacto da pandemia do novo coronavírus -por incluir um mês completo de atividades suspensas em meio à quarentena.

Somente duas rubricas fecharam o período acima do projetado pelos dirigentes. A cota de TV ficou dentro do projeto. Na relação de itens que ficaram abaixo do estimado, destacam-se "licença da marca" e publicidade.

De acordo com o demonstrativo contábil mais recente, o Internacional contabilizou R$ 74,7 milhões entre janeiro e abril. O orçamento do clube previa R$ 80,8 milhões. A rubrica de "licença da marca" faturou R$ 970 mil. A projeção para a área era uma arrecadação de R$ 3 milhões. Portanto, houve déficit de 69%. Em publicidade, o Inter estimou R$ 1,2 milhão e obteve R$ 509 mil -equivalente a 42%.

No quadro social, a queda registrada foi de 18% entre o projetado e o obtido. O valor arrecadado com sócios foi de R$ 22,4 milhões nos quatro primeiros meses do ano. A meta era amealhar mais de R$ 27 milhões no item.

Leia também:
Presidente do Internacional testa positivo para coronavírus
Mesmo com volta de treinos agendada, futebol pernambucano segue com cenário incerto


No documento, o Internacional aponta que teve déficit de R$ 51,2 milhões no período. Os dados serão apreciados pelos conselheiros em reunião virtual em 15 de junho. Para efeito de comparação, o clube teve déficit de R$ 33 milhões entre janeiro e abril do ano passado.

A última partida disputada pelo Inter foi em 15 de março, contra o São José-POA, pelo Campeonato Gaúcho. Depois disso, o clube chegou a demitir 44 funcionários em um único dia e anunciou dois acordos com o grupo de jogadores em relação aos salários.

Veja também

Em crise, Barcelona se apoia em Messi por título
FUTEBOL

Em crise, Barcelona se apoia em Messi por título

F1 estreia em 2020 disposta a ressignificar padrões
Automobilismo

F1 estreia em 2020 disposta a ressignificar padrões