Sport se posiciona sobre cobrança do Fluminense

Diretor de futebol rubro-negro Rodrigo Barros, afirmou que o posicionamento do fluminense "causou estranheza"

Diego SouzaDiego Souza - Foto: Lucas Figueiredo/CBF

O Sport se posicionou sobre a cobrança feita pelo Fluminense, com relação à venda de Diego Souza ao São Paulo. Segundo o diretor de futebol do Sport Rodrigo Barros, o valor de R$ 5 milhões, referente a 50% dos direitos econômicos do meia, cobrados pelo clube carioca, causou surpresa na Ilha do Retiro. Confira o que disse o dirigente:

“Recebemos essa notificação com bastante estranheza, com relação a postura adotada pelo Fluminense, que é um clube parceiro tanto do Sport quanto do São Paulo. Porém a postura que o clube adotou vai de encontro com a sua tradição e grandeza de clube. Diego Souza tinha adquirido uma carta do departamento de futebol do Fluminense, através do Marcelo Teixeira, em nome do presidente do clube, autorizando a negociação dos 50% do Fluminense. Que o valor cabível era de R$ 1 milhão. Essa carta foi adquirida no final de dezembro. Com ela, o São Paulo abriu negociação com o Sport. Desde o começo da negociação deixamos claro que todo e qualquer valor seria destinado ao Sport, com o São Paulo se ajustando com o Fluminense ou com eventuais terceiros”, disse o dirigente rubro-negro.

Leia também:
Fluminense cobra R$ 5 mi ao Sport por venda de Diego Souza 

Veja também

CBF passa a exigir testes de Covid-19 de todos os jogadores
Campeonato Brasileiro

CBF passa a exigir testes de Covid-19 de todos os jogadores

COB abre inscrição de candidaturas para presidente e vice
Eleição no COB

COB abre inscrição de candidaturas para presidente e vice