Súmula do clássico faz registro quase nulo de confusão

Árbitro limitou-se a dizer que não visualizou o que aconteceu; assistente afirmou que 'não houve nada de anormal'

Torcedores ficam feridos em confusão no jogo Sport x Santa CruzTorcedores ficam feridos em confusão no jogo Sport x Santa Cruz - Foto: Anderson Stevens / Folha de Pernambuco

A súmula de Sport x Santa Cruz, clássico válido pela última rodada da primeira fase do Estadual na última quarta-feira (7), registrou a confusão que deixou 60 feridos de forma quase nula. O árbitro da partida, Péricles Bassols, limitou-se a dizer que, como o quarteto de arbitragem estava ainda no meio do campo quando teve início a movimentação da torcida, não foi possível visualizar o que aconteceu. Ele afirmou ainda que só soube os detalhes do ocorrido após a partida pela imprensa e não citou a possibilidade de encerrar o jogo antes.

"Ao final do primeiro tempo de jogo, enquanto as equipes se dirigiam aos vestiários tiveram de passar junto à torcida do Santa Cruz. Por este motivo, houve uma movimentação da torcida ocasionando ferimento de alguns torcedores que tiveram de ser atendido pelas ambulâncias dentro do gramado e atrás do gol, junto à grade. Tal fato não pode ser observado pelo quarteto de arbitragem, pois este ainda encontrava-se no meio de campo. Apenas tivemos informações ao término do jogo via imprensa", disse Bassols na súmula. Nas observações dos assistentes, a súmula registra que "não houve nada de anormal".

Leia também:
'Não houve excesso', diz PM sobre ação policial em confusão na Ilha do Retiro
Torcedores ficam feridos no jogo Sport x Santa Cruz
Tininho: "Toda vez passamos por esse constrangimento"

Em nota, a Federação Pernambucana de Futebol (FPF) lamentou o episódio e se solidarizou com os torcedores que acabaram feridos, após os incidentes ocorridos.

"Todos os procedimentos de assistência e proteção à vida foram prestados aos torcedores durante o incidente e imediatamente o plano de ação do jogo elaborado em conjunto com as autoridades, entidade e do clube mandante foi acionado e mais ambulâncias foram disponibilizadas para o pronto atendimento aos torcedores dentro do campo", disse a entidade no texto.

A FPF afirma ainda que a partida somente foi reiniciada após a garantia da contenção do tumulto e da prestação do socorro necessário aos feridos. "Logo após o reinício não houve mais incidentes", acrescentou. A entidade encerra o texto pontuando que é "lamentável que episódios como esses continuem acontecendo no futebol. Continuaremos trabalhando pela paz dentro e fora dos campos".

A confusão, no entanto, foi iniciada ainda no primeiro tempo quando pessoas invadiram o gramado, tentando fugir do gás de pimenta, golpes de cassetete e tiros de balas de borracha utilizados pela Polícia Militar de Pernambuco. O sinalizador, que teria dado início à confusão, não foi citado. Confira aqui a reportagem com vídeos sobre a confusão no jogo.

Súmula de Sport x Santa Cruz

Súmula de Sport x Santa Cruz - Foto: Reprodução

Atraso
O documento justifica ainda o atraso do reinício do jogo para o segundo tempo por causa da entrada seis minutos depois do horário correto por parte do Santa Cruz. O primeiro tempo foi encerrado às 22h31 e a partida deveria retornar às 22h46, mas teve início apenas às 22h53. O Sport retornou às 22h44 e o Santa às 22h52. A partida foi encerrada às 23h40.

Confira o documento na íntegra:

Veja também

Última foto pública de Maradona causou polêmica entre médico e familiares
Luto

Última foto pública de Maradona: polêmica entre médico e familiares

Enterro de Maradona será nesta quinta em cemitério da periferia de Buenos Aires
Luto

Enterro de Maradona será nesta quinta em cemitério da periferia de Buenos Aires