Campanha arrecada alimentos durante isolamento

Donativos podem ser entregues até o dia 1º de junho

Carlinhos passa de carro para recolher doações dos prédios vizinhosCarlinhos passa de carro para recolher doações dos prédios vizinhos - Foto: Divulgação

O isolamento exigido pela pandemia da Covid-19 no país trouxe, entre outros impactos na economia, o aumento das pessoas em situação de miséria e sem segurança alimentar mínima. Para ajudar a amenizar essa realidade, o contador Antônio Carlos Veras de Oliveira decidiu agir e organizar uma campanha de coleta doações de alimentos para famílias desassistidas.

O contador Antonio Carlos Veras de Oliveira, mais conhecido como Carlinhos, é morador de Boa Viagem, católico praticante, e integra a Paróquia Nossa Senhora de Fátima. Com a impossibilidade de continuar frequentando as cerimônias dominicais, resolveu criar um momento para agregar pessoas a partir da sua janela, todos os dias, compartilhando palavras de incentivo e canções religiosas por meio de uma caixa de som (confira no vídeo abaixo da matéria).

"Quando começou a pandemia, a igreja também teve a proibição de culto. E aí que em um domingo eu senti muita falta de estar presente lá para participar da celebração eucarística. Comecei, então, na minha varanda, a colocar algumas canções religiosas canções religiosas para trazer um pouco de paz às pessoas", explica Carlinhos. "Quando termina a segunda canção a gente faz um boa noite bem caloroso para as pessoas se sentirem acolhidas e pertencentes àquela reflexão. Sempre com uma palavra da bíblia e sempre pro lado positivo".

No início, a ajuda veio através das palavras. Com a grande adesão dos vizinhos, resolveu então lançar, junto com o grupo da igreja, a campanha "Dai pão a quem tem fome", de doação de alimentos. "Eu comecei a perceber que algumas pessoas de prédios próximos começaram a participar. Depois resolvi que precisamos orar e agir. Aí me veio a ideia de lançar o projeto", conta. A ideia é recolher alimentos para doar a pessoas que estão precisando. Na primeira fase da campanha, no dia combinado, os vizinhos desceram com as doações. "A gente conseguiu coletar mais de 160 kg de alimento e 29 cestas básicas", lembra Carlinhos.

Agora ele está novamente mobilizando seus vizinhos e quem mais puder contribuir para uma nova coleta de alimentos, que está marcada para o dia 1 de junho. Até lá, as doações podem ser feitas na rua General Luis Mallet, 41. Apto 1302, no bairro de Boa Viagem.

Serviço:

Campanha Dai Pão a quem tem fome
Endereço para doações: rua General Luis Mallet, 41. Apto 1302, no bairro de Boa Viagem
Doações até o dia 1º de junho


Veja também

Brasil supera 4,5 milhões de infectados pelo novo coronavírus
Coronavírus

Brasil supera 4,5 milhões de infectados pelo novo coronavírus

Autoridades dos EUA interceptam envelope evenenado endereçado à Casa Branca
Mundo

Autoridades dos EUA interceptam envelope evenenado endereçado à Casa Branca