Estudante é esfaqueado por colega na UFPE

Segundo estudantes e funcionários da universidade, a motivação do desentendimento teria sido uma briga por causa de uma ex-namorada em comum dos dois

O estudante foi esfaqueado na tarde desta quarta-feira (3) O estudante foi esfaqueado na tarde desta quarta-feira (3)  - Foto: Reprodução

Estudante de pedagogia da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) esfaqueou colega de curso durante briga, no Centro de Educação (CE) da instituição, no campus Recife, na tarde desta quarta-feira (2).

O agressor, identificado como Mateus Silva Alves Pereira, 21 anos, inicialmente foi levado ao Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP), mas depois foi encaminhado à Central de Plantões da Capital. Já a vítima, Pedro Henrique de Souza, 18, foi socorrida para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Caxangá, na Zona Oeste.

Segundo estudantes e funcionários da UFPE, a motivação do desentendimento teria sido uma briga por causa de uma ex-namorada em comum dos dois. O agredido teria namorado primeiro a jovem e o agressor depois. Eles teriam discutido por causa disso.

A briga começou dentro de uma sala do CE e depois continuou próximo ao hall de entrada do Centro. Havia um grupo de pessoas reunidas em um corredor da universidade para uma atividade ligada à Greve Geral da Educação por causa do contingenciamento feito pelo governo federal, quando o agressor chegou correndo com a faca na mão.

Leia também:
Preso homem suspeito de ter cometido vários roubos no Recife
Presos quatro suspeitos de mais de 20 furtos em estações de BRT

A estudante Hananna Santos, 19, viu quando Pedro foi levado para fora do CE já ferido e ensanguentado. "Nesse momento corri para tentar ajudar porque já fiz curso de primeiros socorros", disse. O estudante Rodrigo Alcântara, 26 anos, contou que estava esperando o início de uma aula quando ouviu os gritos. "Muita gente correu para perto da confusão, mas como o cara estava armado não tiveram como deter ele. Na hora da confusão nos trancamos na sala, pois ficamos com medo que fosse um atentado", disse.

A estudante Vitória Rodrigues, 18, diz que a situação expõe a fragilidade do esquema de segurança no campus. "Sei que não tem como a universidade evitar 100% esses casos, pois se o agressor já veio com a faca é porque estava mal intencionado. Mas aqui nos sentimos vulneráveis sobretudo em determinados horários", disse.

Por meio de nota, a UFPE informou que a Superintendência de Segurança Institucional (SSI) foi acionada para intervir na briga. Os agentes detiveram o aluno acusado de ter praticado o crime e acionaram a Polícia Militar (PM), que seguiu para o local para deter o homem.

De acordo com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Pedro sofreu ferimentos no pescoço, boca e ombro. Ele deu entrada na UPA orientado e consciente e passou por exames de raio-X. Mateus Silva Alves Pereira continua prestando depoimento na Central de Plantões. A UFPE informou, ainda, que lamenta o ocorrido e que "será aberta uma sindicância para apurar o caso".

Veja também

Brasil registra 631 mortes por Covid-19 em 24 horas
Coronavírus

Brasil registra 631 mortes por Covid-19 em 24 horas

Pernambuco registra mais 1.100 casos e 39 mortes por Covid-19
Coronavírus

Pernambuco registra mais 1.100 casos e 39 mortes por Covid-19