Fernando de Noronha zera casos de Covid-19

São aguardados os resultados de quatro casos ainda em investigação

Fernando de NoronhaFernando de Noronha - Foto: Fabio Nóbrega/Portal FolhaPE

O Arquipélago de Fernando de Noronha zerou os casos confirmados de Covid-19, segundo boletim divulgado pela Administração no final da noite dessa sexta-feira (8). As duas últimas pessoas na Ilha contaminadas pelo novo coronavírus, que ainda constavam como casos ativos no balanço da quinta-feira (7), apresentaram cura clínica. Não houve nenhum registro de morte desde o primeiro caso confirmado.

Ao todo, 28 pessoas testaram positivo para Covid-19 em Noronha e todas estão curadas. Desse total, de acordo com o boletim da Administração, são 17 homens e 11 mulheres, com idades entre 25 e 59 anos.

Leia também:
Noronha não registra novos casos do coronavírus, e reforça isolamento
Governo de Pernambuco decreta quarentena em Fernando de Noronha


Apesar de zerar o número de casos ativos, são aguardados os resultados de quatro casos ainda em investigação. Os resultados dependem da conclusão dos exames laboratoriais. As amostras foram encaminhadas na quinta-feira ao Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen/PE).

Quarentena
Fernando de Noronha segue em quarentena até este domingo (10). A ilha adotou a medida no último dia 20 de abril. Desde então a circulação de pessoas nas vias públicas só é permitida em casos de atendimento de necessidades essenciais e imediatas.

O Aeroporto Wilson Campos segue fechado até a próxima sexta-feira (15) pelo menos, assim como o fechamento de estabelecimentos comerciais não essenciais e a proibição de acesso às praias. As aulas nas escolas da Ilha permanecem suspensas até 31 de maio.

Retomada das atividades
Nas próximas semanas será iniciado um estudo epidemiológico para avaliar a circulação do vírus da Covid-19 em Fernando de Noronha. Segundo a Administração do Arquipélago, serão testados em torno de 900 voluntários entre homens e mulheres, de diversas faixas etárias e de todas as regiões da Ilha. Os participantes serão selecionados de forma aleatória.

Os que aceitarem participar da pesquisa serão acompanhados durante um ano pela equipe de saúde e farão exames nesse período. O estudo fornecerá evidências para orientar ações de vigilância e controle da doença e também irá apoiar a tomada de decisão da Administração na retomada das atividades sociais e econômicas.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

 

Veja também

Brasil registra 631 mortes por Covid-19 em 24 horas
Coronavírus

Brasil registra 631 mortes por Covid-19 em 24 horas

Pernambuco registra mais 1.100 casos e 39 mortes por Covid-19
Coronavírus

Pernambuco registra mais 1.100 casos e 39 mortes por Covid-19