Fiscalização apreende 100 kg de carne imprópria para o consumo no Recife

Toda a carne foi apreendida para ser incinerada e a Vigilância Ambiental foi acionada para notificar os abatedouros clandestinos

O proprietário foi autuado pelas irregularidades e o depósito foi interditadoO proprietário foi autuado pelas irregularidades e o depósito foi interditado - Foto: Divulgação/PRF

Uma fiscalização da Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 100 kg de carne suína e caprina impróprias para consumo, neste sábado (17). O flagrante ocorreu no bairro do Curado, na Zona Oeste do Recife, e foi realizado em uma ação integrada da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária (Adagro) com a PRF.

Durante a visita a locais de abate clandestino, próximos a BR-101, as equipes encontraram porcos e cabras sendo criados em locais inadequados e carnes armazenadas sem a devida refrigeração. Também foram flagradas carnes sendo vendidas em barracas às margens da rodovia, em temperatura ambiente de mais de 30° C. O ideal é que a temperatura para armazenamento seja de -7°C.

Leia também: 
Novo bafômetro da PRF detecta embriaguez de motorista por respiração
PRF intensifica fiscalização nas BRs que vão para o Interior pernambucano

Toda a carne foi apreendida para ser incinerada e a Vigilância Ambiental foi acionada para notificar os abatedouros clandestinos.

Depósito clandestino de água
Durante a fiscalização, os agentes também localizaram um depósito clandestino de água mineral, que não possuía a autorização legal para funcionamento. No estabelecimento foram encontrados 300 garrafões com água, além de algumas unidades de cigarro paraguaio. O proprietário foi autuado pelas irregularidades e o depósito foi interditado.

Veja também

Conheça a história da estudante baiana que foi aprovada em seis universidades estrangeiras
educa mais brasil

Conheça a história da estudante baiana que foi aprovada em seis universidades estrangeiras

Empresário de SC dá aula de otimismo nas redes sociais após ciclone destruir sua casa
ciclone

Empresário de SC dá aula de otimismo nas redes sociais