Mais de 30 bairros do Recife e Olinda ficam sem água nesta terça; confira lista

Segundo a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), o abastecimento está previsto para ser desligado a partir das 22h desta terça-feira, e retomado às 22h da quinta-feira (14)

Falta de águaFalta de água - Foto: Léo Motta / Arquivo Folha de Pernambuco

A partir da noite desta terça-feira (12), mais de 30 bairros do Recife e Olinda, na Região Metropolitana da capital, ficarão sem água por um período de 48 horas.

Segundo a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), o abastecimento, que está previsto para ser interrompido a partir das 22h desta terça e retomado às 22h da quinta-feira (14), possibilitará a execução de uma série de ações preventivas e de manutenção de equipamentos da Estação de Tratamento de Água Alto do Céu, localizada no bairro do Fundão, na Zona Norte do Recife.

Confira a lista dos bairros atingidos no Recife e em Olinda:

Água Fria, Aflitos, Alto José Bonifácio, Alto José do Pinho, Alto Santa Teresinha, Arruda, Beberibe, Bomba do Hemetério, Cajueiro, Campina do Barreto, Campo Grande, Casa Amarela, Encruzilhada, Espinheiro, Fundão, Hipódromo, Jaqueira, Linha do Tiro, Mangabeira, Morro da Conceição, Ponto de Parada, Porto da Madeira, Rosarinho, Tamarineira e Torreão. Além disso, serão afetadas ainda as partes baixas do bairro da Macaxeira, Nova Descoberta e Vasco da Gama.

A Compesa informou que também haverá queda de pressão no bairro do Parnamirim, na Zona Norte do Recife. Já em Olinda, o único bairro afetado será Peixinhos.

A retomada da distribuição de água para os bairros, segundo a Compesa, está prevista para acontecer logo após a conclusão das intervenções e ocorrerá de forma gradativa e de acordo com o calendário de cada área.

Veja também

Recuperados da Covid-19 mantêm cuidados mesmo após infecção
CORONAVÍRUS

Recuperados da Covid-19 mantêm cuidados mesmo após infecção

Moradores de rua cobram ações da prefeitura de SP contra frio e Covid-19
SÃO PAULO

Moradores de rua cobram ações da prefeitura de SP contra frio e Covid-19