Pernambuco registra em 2019 o menor índice de roubos dos últimos cinco anos

Entre as cidades, Recife é a que marca o maior número de diminuição dos roubos

RoubosRoubos - Foto: Portal FolhaPE

Com a marca de 78.943 roubos registrados em 2019, Pernambuco atingiu sua menor marca de crimes do tipo nos últimos cinco anos. Apenas 2014, com 65.269 casos, teve menos notificações. Em comparação a 2018, que registrou 95.241 casos, a queda foi de 16.298 infrações, o equivalente a 17,11%. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (14) pela Secretaria de Defesa Social (SDS) do Estado.

Somando 5.507 roubos, dezembro de 2019 teve queda de 1.464 infrações em comparação ao mesmo período em 2018, que contabilizou 6.971 - ou seja, 21% a menos, tornando-se o mês com menos delitos em 60 meses.

Recife foi a cidade com o maior número de recuo nos roubos. Em 2019, a capital pernambucana registrou um total de 28.539 queixas, uma queda de 4.458 crimes, 14% a menos em comparação ao ano de 2018. Olinda, na Região Metropolitana do Recife, com 1.190 crimes a menos, e Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste, com 839 menos, completam o pódio dos municípios com maior recuo de Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVP) em 2019.

Leia também:
Número de roubos em Pernambuco é o menor dos últimos 59 meses
Pernambuco registra novo recorde na redução de roubos

Segundo o secretário de Defesa Social, Antonio de Pádua, o recuo se deu devido às estratégias especificas para combater o crime. “Investimentos, operações permanentes, posicionamento de efetivo nas manchas criminais e também estratégias específicas para determinados tipos de delitos fizeram com que tivéssemos recuo significativo nos roubos a bancos, veículos, ônibus, de celulares e outras formas”, explicou.

Em 2019, mais de 53 mil pessoas foram presas pelas polícias em Pernambuco segundo a SDS. "Buscamos, em 2020, estatísticas mais baixas e uma maior sensação de segurança no dia a dia do pernambucano”, afirmou o secretário. 

Roubos de celulares
Um total de 9.660 celulares foram recuperados com a ajuda do Programa Alerta Celular, implantado em 2017 pela SDS. Esse número marca um aumento de 77% em comparação ao ano de 2018, quando foram recuperados 5.446 aparelhos.

Roubos em coletivos
O número de roubos a coletivos em 2019 também foi o menor nos últimos cinco anos. Ao todo, foram 837 queixas registradas em todo o ano passado, contra 915 crimes do tipo notificados em 2018, uma retração de 8,52%.

Roubos de veículos e cargas
Os roubos de veículos e cargas tiveram queda de 15,07% no Estado. No total, de acordo com a SDS, foram 2.341 crimes a menos que 2018, passando de 15.534 para 13.193. Já o número de roubos de cargas caiu 1% -  587 ocorrências em 2018 e 579 no ano passado.

Roubos de bancos
No último mês de de 2019, o número de roubos a bancos foi o menor desde a criação do programa Pacto Pela Vida, em 2007: não houve nenhuma ocorrência registrada no mês de dezembro. Ao todo, entre janeiro e dezembro, foram 18 investidas contra bancos, caixas eletrônicos e carros fortes notificados em todo o Estado. O número representa uma queda de 75% nesse tipo de crime em relação a 2018, quando 72 ocorrências foram registradas. 

Veja também

Infecções prévias podem gerar células que combatem o novo coronavírus, diz estudo
Coronavírus

Infecções prévias podem gerar células que combatem o novo coronavírus, diz estudo

Projeto de lei quer reduzir feriados prolongados
notícias

Projeto de lei quer reduzir feriados prolongados