Suspeitos de homicídios são presos na operação Tão, em Olinda

Grupo é suspeito de praticar vários homicídios, dentre eles um ocorrido no último dia 11 no bairro de Águas Compridas

Suspeitos foram detidos na manhã desta quinta-feira (28) pela Polícia CivilSuspeitos foram detidos na manhã desta quinta-feira (28) pela Polícia Civil - Foto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

A Polícia Civil de Pernambuco cumpriu cinco mandados de prisão preventiva na manhã desta quinta-feira (28) no bairro de Águas Compridas, em Olinda, na Região Metropolitana do Recife. Guilherme Vinícius da Silva, 19 anos, conhecido como Tão, é o principal alvo da operação batizada com o seu apelido. Além dele, foram presos Robson de Miranda Andrade da Silva (o Robinho), Carlos Antônio Nascimento e Leandro Bernardino de Souza. Um procurado está foragido e não teve o nome divulgado pela polícia para não atrapalhar as investigações.

Todos os presos foram autuados na Delegacia de Homicídios de Olinda e não passarão por audiência de custódia, seguindo direto para o Centro de Triagem Everaldo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, no Grande Recife. O grupo é suspeito de praticar roubos, tráfico de drogas e vários homicídios no Alto Nova Olinda e no Alto da Bondade, em Águas Compridas. Dentre os assassinatos cometidos por Tão e Robinho, estão o de José Clayton Lima da Silva, ocorrido no último dia 11.

Tão foi preso na casa da avó com celulares, dinheiro em espécie e uma pequena porção de cocaína. Além dos mandados de prisão, foram cumpridos outros nove mandados de busca e apreensão na casa dos cinco suspeitos.

Leia também:
Litoral Sul no alvo da Operação Força no Foco
Acusado de matar bispo e esposa em Olinda vai a júri em outubro
Em Olinda, audiência de missionário acusado de estupro é adiada

Investigações
“Passamos um bom tempo levantando toda a vida e rotina deles, onde eles dormiam, onde eles permaneciam, e deflagramos esta operação”, relatou a delegada Poliana Neri, responsável pela autuação dos suspeitos.

A delegada Fabiana Leandro, responsável pela operação, contou detalhes do assassinato ocorrido no dia 11, provocado por uma briga de bar. “Os envolvidos discutiram com o José Clayton e, após seguir até a residência, efetuaram disparos contra a vítima e a sua companheira, que levou um tiro no braço. A vítima faleceu ainda no local”, contou.

A delegada disse ainda que Carlos e Leandro são suspeitos de assassinarem um homem em 3 de junho no bairro. Fabiana Leandro contou que a vítima recebeu disparos de armas de fogo e pedradas na cabeça. “Um dos acusados teria segurado e outro efetuado o disparo. A motivação ainda está sendo investigada, mas temos informações de que a vítima também traficava drogas e costumava cometer roubos na localidade”, descreveu.

As investigações seguem sob responsabilidade da Polícia Civil.

Operação Tão
A operação deflagrada nesta quinta é um desmembramento da Operação Força no Foco, que tem como objetivo investigar homicídios e combater o tráfico de drogas.

Veja também

Acidente na Avenida Boa Viagem deixa feridos neste domingo (20)
Recife

Acidente na Avenida Boa Viagem deixa feridos neste domingo (20)

Saga do TikTok pode chegar ao fim com acordo envolvendo Oracle e Walmart
Aplicativo

Saga do TikTok pode chegar ao fim com acordo envolvendo Oracle e Walmart