Trabalhadores dos Correios entrarão em greve a partir da próxima segunda-feira (12)

A greve é por tempo indeterminado

Agência dos CorreiosAgência dos Correios - Foto: Elza Fiúza / Agência Brasil

Os trabalhadores dos Correios vão começar uma greve nacional a partir desta segunda-feira (12). A paralisação será por tempo indeterminado e é um protesto contra direitos que estão sendo cortado dos trabalhadores, segundo o diretor de Comunicação do SINTECT-PE, Eliomar Macaxeira. “A empresa tem uma má gestão, e querem jogar nas costas dos trabalhadores”, continuou.

O diretor enfatiza que o principal direito cortado é a retirada de pais e mães dos trabalhadores da cobertura do plano de saúde dos Correios, Postal Saúde. Além disto, há uma implantação de mensalidades e coparticipações em procedimentos e exames, que, segundo os trabalhadores, é desproporcional ao próprio salário.

Leia também:
Correios suspendem cobrança de taxa extra para encomendas destinadas ao Rio
Correios negociam dívidas dos clientes


Na segunda (12), pela manhã, haverá piquetes nas unidades. No período da tarde, a categoria se concentrará na sede do SINTECT-PE no Recife, e nas sub sedes do Agreste e do Sertão, respectivamente em Caruaru e em Petrolina.

Veja também

Pazuello lamenta mortes por covid- 19 e destaca necessidade de acompanhamento médico
Coronavírus

Pazuello lamenta mortes por covid- 19 e destaca necessidade de acompanhamento médico

Mais de 3 milhões de brasileiros infectados pelo novo coronavírus
Coronavírus

Mais de 3 milhões de brasileiros infectados pelo novo coronavírus