Ministro diz que Alckmin tem 'maior densidade' eleitoral para reformas

A mensagem foi publicada num momento em que o governo do presidente Michel Temer tenta imprimir em um candidato a marca de um "legado reformista"

Geraldo AlckminGeraldo Alckmin - Foto: Reprodução/ Facebook

O ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes, afirmou nesta terça-feira (9) que o governador paulista, Geraldo Alckmin, é o que tem "maior densidade eleitoral" para representar o centro reformista nas eleições presidenciais deste ano. "Entre todos os aspirantes declarados, insinuados ou pressentidos a representar o centro reformista na eleição, Geraldo Alckmin é o que tem maior densidade eleitoral", escreveu o ministro em sua conta nas redes sociais. Aloysio é o único tucano atualmente a ocupar uma pasta na Esplanada.

A mensagem foi publicada num momento em que o governo do presidente Michel Temer tenta imprimir em um candidato a marca de um "legado reformista". O peemedebista tentará aprovar ainda este ano as mudanças nas regras de aposentadoria depois de ter conseguido alterar as leis trabalhistas em 2017. Nos bastidores, nomes como o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, vêm trabalhando para construir suas candidaturas ao Palácio do Planalto no ano que vem e também devem defender a agenda de reformas.

Leia também:
Alckmin: PSDB será protagonista na unificação do país
Alckmin discute ter vice do DEM em chapa presidencial
Alckmin diz que pressão do PSDB para melhora no desempenho 'não tem sentido'

Avaliação
"Além dos seus atributos pessoais de serenidade, traquejo administrativo e experiência política que poucos têm, há o enorme eleitorado de São Paulo, onde Geraldo Alckmin tem muito boa avaliação", escreveu Aloysio, acrescentando que o governador tucano também conta com "o eleitorado de Estados onde o PSDB historicamente tem bom desempenho".

"Tudo isso nos faz crer que não há a menor hipótese da candidatura de Geraldo Alckmin, no desenrolar da campanha, ficar patinando nesse ponto de partida inicial que, aliás, é muito maior do que os que aspiram a ocupar o lugar dele no universo eleitoral", afirmou, acrescentando que o tucano é "nome certo no segundo turno". As mensagens foram endossadas pelo senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), que classificou de "perfeita" a análise feita por Aloysio, acrescentando que o nome de Alckmin "vai crescer e reverberar por todo o país".

O governador de São Paulo está em Brasília nesta terça para reuniões internas do PSDB, partido do qual assumiu a presidência em dezembro do ano passado.

Veja também

Promotoria pede destituição de direção da FGV por suposta fraude na gestão Cabral
rio de janeiro

Promotoria pede destituição de direção da FGV por suposta fraude na gestão Cabral

Barroso fará convite para OEA acompanhar eleições municipais
justiça

Barroso fará convite para OEA acompanhar eleições municipais