João Campos quer que ministro do Meio Ambiente preste esclarecimentos

Ricardo Salles, ministro do Meio Ambiente - Marcelo Camargo/Agência Brasil

Após o ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF) tornar pública, nesta sexta-feira (22), a íntegra do vídeo da reunião ministerial citada pelo ex-ministro Sergio Moro em depoimento à Polícia Federal como um indício de que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) desejava interferir na autonomia da Polícia Federal, o deputado federal João Campos (PSB) entrou com um requerimento de convocação para que o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, preste esclarecimentos sobre as suas falas.

"No vídeo, divulgado hoje, o ministro sugere que o governo aproveite a atenção da imprensa na pandemia para aprovar 'reformas infralegais de desregulamentação e simplificação" na área do meio ambiente e "ir passando a boiada'. A tentativa de usar a pandemia pra derrubar e alterar a legislação é uma atitude criminosa e antidemocrática. Esse governo quer acabar com o meio ambiente e deixa bem claras suas intenções", justificou Campos.

No vídeo, Salles diz que é preciso ter um esforço do Governo "enquanto estamos nesse momento de tranquilidade no aspecto de cobertura de imprensa, porque só fala de Covid e ir passando a boiada e mudando todo o regramento e simplificando normas. De Iphan, de Ministério da Agricultura, de Ministério de Meio Ambiente, de ministério disso, de ministério daquilo. Agora é hora de unir esforços pra dar de baciada a simplificação regulam ... É de regulatório que nós precisamos, em todos os aspectos".

No Twitter, o ministro afirmou, nesta sexta-feira, que sempre defendeu "desburocratizar e simplificar normas, em todas as áreas, com bom senso e tudo dentro da lei. O emaranhado de regras irracionais atrapalha investimentos, a geração de empregos e, portanto, o desenvolvimento sustentável no Brasil."  

Veja também

TSE diz que justificativas de ausência via e-Título passam de meio milhão de eleitores
Eleições 2020

TSE diz que justificativas de ausência via e-Título passam de meio milhão de eleitores

TRE diz que Rio de Janeiro tem eleições tranquilas e sem filas
Eleições 2020

TRE diz que Rio de Janeiro tem eleições tranquilas e sem filas