Jungmann afirma que Forças Armadas estão à disposição da Colômbia

O ministro da Defesa, Raul Jungmann (PPS), afirmou, nesta terça-feira, que as Forças Armadas Brasileiras estão à disposição do governo colombiano para ajudar nos procedimentos de identificação e liberação dos corpos das vítimas envolvidas na tragédia com o time da Chapecoense, em Medellín, na Colômbia.

"Estamos prontos para atender tanto no plano humanitário, quanto no atendimento, na identificação e até na investigação das causas do acidente. Estamos à disposição para qualquer chamamento, seja pelo governo colombiano ou pelo presidente Michel Temer", afirmou.

Segundo o ministro, que participou da solenidade de despedida de tropas para o Haiti, no Recife, se o presidente determinar, ele encaminhará equipes do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) e do Esquadrão Aeroterrestre de Salvamento (PARA-SAR) para a Colômbia.

"Disponibilizamos um avião C-99 da Força Aérea Brasileira (FAB) que levará o prefeito de Chapecó e familiares das vítimas até lá. Também temos duas aeronaves de sobreaviso para atender, se necessário, as operações na Colômbia", completou.

Com informações de Gabriel Araújo, da Folha de Pernambuco

Veja também

Com avanço do desmatamento, Mourão ouve cobrança de estrangeiros por resultado
Desmatamento

Com avanço do desmatamento, Mourão ouve cobrança de estrangeiros por resultado

Câmara aprova medidas para proteger vítimas de violência doméstica
Violência Doméstica

Câmara aprova medidas para proteger vítimas de violência doméstica