Lula participa de festival no Recife neste domingo

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pode vir ao Recife no próximo domingo (17) participar do Festival Lula Livre, que aconteceria no Cais da Alfândega, no Bairro do Recife, passará a ser realizado no Pátio do Carmo, área central da capital pernambucana.
A mudança aconteceu pois com a presença do ex-presidente o público deverá ser muito maior. Essa será a primeira viagem de Lula no Nordeste após deixar a Superintendência da Polícia Federal em Curitiba na última sexta-feira (8). A iniciativa faz parte da estratégia nacional do PT, que visa a levar o ex-presidente a rodar o País.

O Festival Lula Livre, previsto para vários estados do Brasil durante os próximos meses, reúne, neste domingo, atrações como Mundo Livre AS, Otto, Odair José e Marcelo Jeneci. A programação, que conta ainda com a presença de intelectuais e movimentos sociais, começa a partir das 12h, no Cais da Alfândega.

Leia também:
STF enfrentará ação sobre Flávio Bolsonaro depois de decisão que soltou Lula
No Recife, título de cidadão para Lula será protocolado na segunda
Lula se refere a Bolsonaro como miliciano e diz estar de volta para lutar


A possível vinda do ex-presidente Lula acontece na semana em que está sendo protocolada na Câmara de Vereadores da capital pernambucana a proposta, de autoria do vereador e ex-prefeito João da Costa (PT), para que o ex-presidente receba o Título de Cidadão do Recife. A expectativa é de que a proposta seja protocolada ainda nesta segunda (11). Para que seja aprovada, é preciso o voto da maioria simples na Casa.

A reportagem da Folha de Pernambuco entrou em contato com a assessoria do ex-presidente, que relatou a possibilidade da vinda dele ao Recife, mas não confirmou oficialmente.

Após 580 dias encarcerado, o ex-presidente Lula deixou a prisão sexta-feira (8), um dia depois de o Supremo Tribunal Federal (STF), por seis votos a cinco, decidir que um condenado só pode ser preso após o trânsito em julgado, alterando, assim, o entendimento vigente desde 2016, que permitia prisão após condenação em segunda instância.

lula

Veja também

Tráfico de onças na América Latina cresce em locais com investimento chinês
Caça Ilegal

Tráfico de onças na América Latina cresce em locais com investimento chinês

Lava Jato de SP faz operação contra Paulinho da Força por suspeita de crime eleitoral
Lava Jato

Lava Jato de SP faz operação contra Paulinho da Força por suspeita de crime eleitoral