PCR anuncia cortes de comissionados e mudanças no secretariado

Com o objetivo de garantir recursos para iniciar e concluir obras importantes em 2019, o prefeito Geraldo Julio (PSB), após reunião para apresentar as metas a sua equipe de governo, nesta quinta-feira (31), anunciou medidas de austeridade como o corte de 256 cargos comissionados e revisão de contratos, que vão gerar uma economia de aproximadamente R$50 milhões. O chefe do executivo municipal divulgou, ainda, mudanças na sua equipe de governo.

Segundo a Prefeitura, a economia no cofre municipal vai possibitar a retomada de investimentos ao longo deste ano. A previsão é que tenham início obras como o Hospital do Idoso, novos Compaz e a reforma na avenida Conde da Boa Vista. Além disso, obras paradas como a revitalização do Geraldão e do Teatro do Parque seriam concluídas. 

"Estamos começando uma nova jornada, a equipe com algumas novidades. O cenário fiscal impõe cuidados, mas 2019 será um ano positivo, um ano de entregas. A gente está aqui conversando sobre corte de despesas e cargos para possibilitar essas entregas", explicou o scretário de Planejamento e Gestão do Recife, Jorge Vieira.

Leia também:
Vereador do Recife é assaltado em casa
10 vereadores em novo bloco de oposição ao prefeito Geraldo Julio


Mudanças no secretariado - João Guilherme Ferraz sai do gabinete de projetos especiais - que será assumido por Ademar Santos - e assume a Secretaria de Governo e Participação Social. Já a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação será chefiada por Guilherme Calheiros, enquanto Antoinio Junior ficará a frente da Secretaria do Trabalho, Qualificaçao e Empreendedorismo.

José Neves filho, que chefiava o Procon recife, vai para a Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade. Já Rafael Figueiredo, que comandava a Controladoria Geral do Município, vai para a Procuradoria Geral, no lugar de Ricardo Correia, que agora chefiará a assessoria especial do prefeito. Na chefia de gabinete, o titular agora é Rodrigo Farias, enquanto Marconi Muzzio segue para a Secretaria de Administração e Gestao de Pessoas.

Isabella de Roldão, que concorreu como candidata a vice na chapa de Maurício Rands (PROS), em oposição ao governador Paulo Câmara, ganhou a titularidade da Secretaria de Habitação.

Na Secretaria Executiva de Coordenação de Gestão, assume Carlos Muniz, non lugar de Alexandre Gabriel, que foi convocado a ser secretário executivo de Comunicação Govenrnamental do Governo do Estado. Por fim, Ana Paula Martins assume a Secretaria Executiva de Política Sobre Drogas. As demais secretarias se mantém com os titulares.

O Projeto de Lei do Executivo com a reforma administrativa e os cortes de gastos será apresentado à Câmara Municipal do Recife nesta sexta (1º), quando o legislativo retorna do recesso.

Veja também

Porto Digital retoma atividades presenciais a partir de 20 de julho
Tecnologia

Porto Digital retoma atividades presenciais a partir de 20 de julho

Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira prêmio de R$ 33 milhões
LOTERIA

Mega-Sena sorteia nesta quarta prêmio de R$ 33 milhões