Pesquisa revela que Porto de Galinhas é 9º destino mais procurado do País

No Révellion, Porto de Galinhas foi o 3º destino mais procurado do Brasil, com quase 100% de ocupação na rede hoteleira - Felipe Cadena

Mais de vinte mil turistas estiveram no balneário de Porto de Galinhas só neste último final de semana. Uma pesquisa realizada pelo Ministério do Turismo em parceria com empresários do setor de todo Brasil revelou que o destino é o 9º mais procurado do país por turistas brasileiros e estrangeiros, neste verão de 2020. No Révellion, Porto de Galinhas foi o 3º mais procurado do Brasil, com quase 100% de ocupação na rede hoteleira. E para o Carnaval, 90% das reservas de hotéis já estão preenchidas e a previsão da Secretaria de Turismo do Ipojuca é que o número aumente nos próximos dias.

Pessoas de várias partes do Brasil, a maioria de São Paulo, Brasília e Minas Gerais, além de argentinos, chilenos e uruguaios têm tido a oportunidade de apreciar as belezas naturais e aproveitar tudo o que o balneário oferece. O mineiro Antônio Silveira, jornalista fotográfico, disse que ficou impressionado com a organização da visita aos corais. “Fiquei encantado com o cuidado de todos, durante o passeio aos corais de Porto de Galinhas. A organização e a segurança foram impecáveis”, comentou.

Para o secretário de Turismo do Ipojuca, Mário Pilar, esta temporada de verão está sendo muito importante para a rede hoteleira de Porto de Galinhas e para o próprio município. “Com o desastre ambiental das manchas de óleo, que atingiu boa parte do litoral brasileiro, a dúvida era como o nosso turismo seria afetado. E a boa notícia é que os turistas entenderam o nosso esforço na limpeza daquele episódio, não se afastaram e estão vindo curtir nossas praias de águas mornas e transparentes”, comemorou Mário Pilar.

A Prefeitura do Ipojuca, preocupada em dar maior assistência aos turistas e aos ipojucanos que frequentam, neste verão 2020, não só Porto de Galinhas, mas outras praias do litoral do Ipojuca como Muro Alto, Maracaípe e Serrambi entre outras, reforçou alguns serviços e alerta a população para alguns perigos. Como por exemplo: a importância do banhista respeitar as sinalizações de área proibida para banho e assim evitar afogamentos; bem como evitar o consumo de alimentos vendidos na praia que não estão bem acondicionados em recipientes. A Vigilância Sanitária tem realizado ações educativas na orla em parceria com a Secretaria municipal de Saúde durante todo o verão.

A Operação Verão, coordenada pela Secretaria de Defesa Social do município, dispõe de 50 guardas municipais para a cobertura nas áreas de Trânsito, Turismo e Meio Ambiente e conta com 60 salva vidas para cobrir toda a orla. É importante ressaltar que algumas vias de acesso às praias são rodovias estaduais (a exemplo da PE-09, que leva o turista aos resorts) portanto cabe aos órgãos de trânsito do estado realizar a fiscalização de estacionamentos irregulares e manutenção da via. Outro problema bastante comum nas praias do Brasil, neste período, é a cobrança indevida nas barracas de praias que condicionam o uso da cadeira ao consumo. A fiscalização, neste caso, é realizada pelos agentes do Procon do município que são parceiros da gestão municipal. Quem quiser denunciar a prática irregular deve ligar para (81) 3551-0345 ou (81) 99465-2808. Para outros assuntos, a Unidade do Turista funciona 24h e fica localizada ao lado da Delegacia de Porto de Galinhas, na Rua Esperança, 333.

Outras opções de lazer no balneário de Porto de Galinhas, para além do passeio de jangada das piscinas naturais e do pôr-do-sol no Pontal de Maracaípe:

Farol de Porto de Galinhas
Inaugurado no mês de dezembro, o Farol de Porto é uma grande oportunidade de ver a praia e as piscinas naturais de cima, em um mirante com 14 metros de altura, que fornece visão em 360 graus. Sabe aquelas imagens que a gente só consegue ter com drone? Agora quem está em Porto pode fazer com o próprio celular. O empreendimento privado, fica na Vila de Porto, dentro do restaurante Munganga Bistrô e a entrada custa R$15 inteira e R$7,50 meia. Funciona todos os dias das 11h às 18h.

Zoológico Pet Silvestre

Também recém-inaugurado, o Zoológico de animais silvestres é pioneiro no Brasil por seu caráter interativo. Os visitantes, além de conhecerem um pouco mais sobre as espécies, podem interagir com os animais. Que tal uma foto com uma coruja em pé no seu braço? Ou com uma jiboia sobre seus ombros? A novidade fica em Porto de Galinhas e funciona de terça a domingo das 9h às 16h. A entrada custa R$50 inteira e R$25 meia.

Nascimento de tartarugas
Para quem ama a natureza, presenciar o nascimento de tartarugas é uma das experiências mais incríveis que se pode ter. O EcoAssociados é uma ONG parceira da Prefeitura do Ipojuca, que realiza monitoramento e acompanhamento das tartarugas marinhas para fins de preservação. Sempre que elas fazem a desova, eles avisam pelo Instagram (@ecoassociados) o trecho da praia onde vai acontecer para que o público presencie. O “espetáculo” é gratuito.

Praia sem Barreiras
Porto de Galinhas já está entre os destinos mais acessíveis no país e recebe cerca de 2 mil pessoas com deficiência por ano. Este projeto, idealizado pelo presidente da Associação Rodas da Liberdade, Michel Peneveyre, oferece ao turista, que faz uso de cadeira de rodas ou que possui mobilidade reduzida, o acesso ao mar e a outros passeios de forma assistida, garantindo cidadania e inclusão. As atividades funcionam no período da maré baixa, em frente ao pórtico de Porto, na rua das piscinas naturais. Não precisa de agendamento e o calendário dos dias e horários pode ser visto pelo Instagram @rodas_da_liberdade.