[Vídeo] No Cafezinho entrevista Marcelo Freixo

O deputado estadual do Rio de Janeiro, Marcelo Freixo (PSol), é o convidado desta edição do programa No Cafezinho. No encontro, ele aborda temas complexos, como a relação entre facções criminosas e a política no Rio de Janeiro. Além disso, faz uma leitura sobre os rumos da esquerda no Brasil e a influência do ex-presidente Lula.

O psolista visitou o Recife no último final de semana, para participar de um debate sobre a temática da segurança pública. Sua passagem aconteceu na semana em que o presidente da Assembleia Legislativa do Rio, Jorge Picciani, e os deputados Paulo Melo e Edson Albertassi, todos do PMDB, foram novamente presos, acusados de receber propina para defender interesses de empresários dentro da Casa Legislativa e de lavar o dinheiro.

"O PMDB é hoje a maior organização criminosa que existe dentro do Rio de Janeiro. A denúncia sobre os líderes do PMDB trata de enriquecimento ilícito, evasão de riquezas, corrupção, propina e organização criminosa. E qual é a organização criminosa que o (Sérgio) Cabral, o (Jorge) Picciani, o Albertassi, o Paulo Melo e os secretários respondem? É o PMDB", afirma.

Leia também
STJ nega liminar para soltar Jorge Picciani e Paulo Melo
Tribunal restabelece prisão de Picciani e mais dois deputados do Rio

O futuro da esquerda
Em outro momento, o deputado fez uma reflexão sobre os principais desafios da esquerda no Brasil. "Antes da esquerda escolher seu candidato, pensar na eleição e ficar refém disso, tem que saber o que quer. A candidatura de Lula é uma coisa. Eu entendo. É um instrumento de defesa da sua história (...) O que nos cabe, para quem não está no PT, para quem pensa a esquerda sem reproduzir os erros do PT, é pensar o que a esquerda está pensando do Brasil".

Veja também

Resultado do Sisu do segundo semestre já está disponível no site
SISU

Resultado do Sisu do segundo semestre já está disponível no site

Álbum que reúne Teresa Cristina, Jussara Silveira e Rita Benneditto, ganha as plataformas digitais
Música

Álbum que reúne Teresa Cristina, Jussara Silveira e Rita Benneditto, ganha as plataformas digitais