Após questionamento, Câmara de Vereadores do Recife afirma que reduziu gasto com cerimônia

A Câmara de Vereadores do Recife informou, ontem, que conseguiu economizar em 47% o gasto para a contratação da empresa que realizará as cerimônias de posse dos mandatários eleitos em 2020. O pregão eletrônico, aberto pela Casa Legislativa no dia 19 de novembro, foi alvo de requerimento da vereadora eleita Liana Cirne (PT) por aceitar um valor máximo de R$ 132.023,33, o que, para a futura legisladora, não condizia com a situação de emergência provocada pelas crises fiscal e sanitária em meio à pandemia da Covid-19.

Em nota divulgada ontem à noite, a Câmara Municipal disse que a seleção considerava o menor preço e que, ao finalizar o certame, venceu a proposta no valor de R$ 70 mil, 47% a menos do que o máximo previsto. O texto esclarece ainda que o primeiro valor foi obtido a partir de “cotações prévias” com as empresas. “Vale destacar, ainda, que o registro de preços não obriga a sua contratação, mas garante os preços para aqueles itens em caso de necessidade.  A contratação, da forma como foi disposta, poderá ser efetuada apenas e exclusivamente para os itens e quantidades necessários, a depender do local do evento, o que poderá acarretar ainda mais a redução do valor final proposto”, diz a nota.

O requerimento da vereadora eleita Liana Cirne foi encaminhado ao presidente da Câmara, vereador Eduardo Marques (PSB), ao saber do valor. No documento, ela questiona alguns itens listados para serem usados na festa, que incluiriam “lírios, rosas, lisianthus, orquídeas e astromélias”. “Enfrentamos um momento de crise sanitária gravíssima, em que o orçamento público deve estar destinado preferentemente ao enfrentamento da Covid-19”, afirma no texto.

Na noite de esclarecimento, a Câmara informa que os itens podem ser usados ou não, “dependendo do local e da forma como será possível ser feita a solenidade”. Sobre os questionamentos da vereadora eleita, a presidência da Casa confirmou que recebeu o requerimento e que o pedido será encaminhado à Primeira-Secretaria. A nota diz ainda que a Câmara destinou mais de R$ 8 milhões para ações contra a Covid-19 no início da pandemia.

Veja também

Cartunista Laerte Coutinho é internada em UTI por Covid-19
Covid-19

Cartunista Laerte Coutinho é internada em UTI por Covid-19

Bancada pernambucana dividida sobre politização da vacina contra a Covid-19
CONGRESSO NACIONAL

Bancada pernambucana dividida sobre politização da vacina contra a Covid-19