Câmara do Recife aprova projeto para dar prioridade a professores na vacinação contra Covid-19

Vacina contra Covid-19 - Arthur Mota/Folha de Pernambuco

O plenário virtual da Câmara do Recife aprovou em segunda discussão, nessa segunda-feira (19), o Projeto de Lei 85/2020, que estabelece prioridade na vacinação contra Covid-19 de professores e demais trabalhadores de Educação.

Além dos professores, o texto prevê prioridade para profissionais de Saúde e Segurança, cuja vacinação contra o coronavírus já teve início e está em andamento na capital pernambucana. A autoria do projeto é da vereadora Ana Lúcia (Republicanos).

Após a aprovação pelos vereadores, o projeto segue para a sanção do prefeito do Recife, João Campos (PSB). O gestor terá até 15 dias para sancionar ou vetar o parecer positivo da Câmara. O prazo é contado a partir do encaminhamento do projeto à prefeitura.

O projeto ainda engloba a prioridade para profissionais de Educação, Saúde e Segurança nas medidas preventivas disponibilizadas pelo Poder Público nos casos de reconhecimento de situação de emergência ou decretação de estado de calamidade pública em saúde - como é o caso da pandemia de Covid-19.

De acordo com a vereadora Ana Lúcia, o projeto foi elaborado há um ano, “em meio a apreensões e incertezas sobre os protocolos de atendimento à Covid 19, quando ainda não tínhamos as vacinas”. 

“Agora, que temos vacinas para os grupos prioritários e com a iminência do retorno às aulas, é urgente garantir que os professores e demais trabalhadores do ambiente escolar sejam imunizados para que essa retomada aconteça com segurança”, disse a parlamentar.

"Precisamos estabelecer de imediato o calendário de vacinação e apresentar esse protocolo. Muitas das nossas escolas ainda não têm condições de acolher esses estudantes”, finalizou Ana Lúcia.

O cronograma de retorno às aulas presenciais define a próxima segunda-feira (26) como data para permissão na rede municipal em todo o Estado, conforme determinado pelo Governo de Pernambuco. Cabe a cada prefeitura definir seu calendário. Ainda não há uma data fechada para o retorno nas escolas municipais do Recife.

Veja também

Kirchner e Lula defendem renovação da política e reconstrução da unidade latino-americana
Política

Kirchner e Lula defendem renovação da política e reconstrução da unidade latino-americana

Fachin proíbe PF de qualquer ato de investigação a partir da delação de Sérgio Cabral

Fachin proíbe PF de qualquer ato de investigação a partir da delação de Sérgio Cabral