Ciro Gomes participa de "carreatinha" para reforçar apoio a João Campos

O pdetista Ciro Gomes chegou ao Recife na manhã deste domingo para reforçar o apoio à candidatura da chapa majoritária de João Campos (PSB) e Isabella de Roldão (PDT), à Prefeitura do Recife. Ciro chegou acompanhando do presidente nacional do Partido Demo - Ed Machado / Folha de Pernambuco

João Campos (PSB) recebeu, neste domingo (22), mais uma demonstração de apoio do Partido Democrático Trabalhista (PDT), após a aparição do presidenciável Ciro Gomes no guia eleitoral do último sábado (21). Em visita ao Recife, o ex-governador do Ceará e o presidente do partido, Carlos Lupi, cumpriram agenda ao lado do candidato à Prefeitura do Recife e da vice da chapa, Isabella de Roldão (PDT). 

Durante a manhã, uma “carreatinha” foi realizada no bairro da Guabiraba, onde o candidato cumprimentou apoiadores ao lado também de vereadores. A comitiva realizou, ainda, dois atos com a militância nas Zonas Sul e Norte do Recife.

“Muita alegria receber Ciro e Lupi, estamos em diálogo há bastante tempo e temos apoio do PDT desde o começo da campanha e hoje foi um dia importante. Ciro deu testemunho importante, uma pessoa com histórico e depoimento de que juventude tem como dar certo na política”, disse o candidato João Campos. 

No Recife, Ciro destacou a capacidade de João Campos para governar o Recife, com base no aprendizado com Eduardo Campos, pai do candidato, que morreu em 2014. “Essa é a única cidade que saio do Ceará para tentar falar. A situação do nosso povo vai estar em uma das piores na administração brasileira se João não tomar posse no dia 1º de janeiro. Essa candidatura é muito importante para o Recife e Brasil, não podemos deixar lambança política atrapalhar. Estamos tentando construir, no Brasil, uma corrente de opinião que seja capaz de negar os extremos que nos levaram a esse momento de disruptura nacional”, declarou Ciro. 

Racha
Quanto ao posicionamento do deputado federal Túlio Gadêlha (PDT), que declarou apoio à candidatura de Marília Arraes, Ciro Gomes preferiu não  comentar o assunto e foi rápido na resposta: “Não vou comentar”, disse. 

Já Lupi comentou que Túlio está assumindo a responsabilidade com consequências futuras. “O partido fez uma posição clara, fizemos uma convenção, homologada pela nacional. Temos a vice da chapa, e ele tem assumido uma posição que vai ter responsabilidade pelas consequências da posição. Como Brizola já dizia, o Túlio está costeando o alambrado, quando você vai perto da cerca para pular para o outro lado. Se ele fizer essa opção, terá consequências”, declarou. 

Veja também

TSE: urnas substituídas no segundo turno chegam a 368

TSE: urnas substituídas no segundo turno chegam a 368

Aumenta para 37 o número de presos ou conduzidos durante eleições
Eleições 2020

Aumenta para 37 o número de presos ou conduzidos durante eleições