Comissões da Assembleia aprovam criação de três novas delegacias da mulher

Projeto de Lei (PL) nº 2847/2021 prevê unidades nos municípios de Olinda, Palmares e Arcoverde

Leia Também

• Delegada Gleide Ângelo articula implantação da Delegacia da Mulher em Olinda em reunião com prefeito

• Eriberto cobra solução para veículos amontoados em delegacias e batalhões de polícia

• Gleide Ângelo apresenta projeto para ampliação das Delegacias de Proteção à Mulher

A criação de três novas delegacias de prevenção e repressão aos crimes contra a mulher em Pernambuco recebeu o aval das Comissões de Justiça (CCLJ) e de Segurança Pública da Alepe, nesta segunda (6). Encaminhado pelo Governo do Estado, o Projeto de Lei (PL) nº 2847/2021 prevê unidades nos municípios de Olinda (Região Metropolitana do Recife), Palmares (Mata Sul) e Arcoverde (Sertão do Moxotó).

A justificativa da proposta informa que a escolha das localidades levou em consideração critérios objetivos, como a densidade populacional e o planejamento de atuação integrada para esse tipo de atendimento especializado. Ao apresentar parecer na CCLJ, o deputado João Paulo (PCdoB) salientou que a iniciativa “mostra o comprometimento e a sensibilidade do Governo Estadual com o enfrentamento à violência de gênero”. No colegiado de Segurança Pública, a matéria foi relatada pelo deputado Antônio Moraes (PP). 

@@[email protected]@

Ainda de acordo com o Poder Executivo, as unidades especializadas possuem “capacidade técnica diferenciada no tratamento a esse tipo de crime e detêm expertise no acolhimento às vítimas”. Os profissionais são treinados para orientar as mulheres sobre seus direitos e estimulá-las a denunciar as agressões sofridas, a fim de quebrar o ciclo de violência e fortalecer o combate ao feminicídio.

Veja também

Responsável por investigar 'rachadinha' de Carlos Bolsonaro vai a aniversário de advogada de FlávioPolítica

Responsável por investigar 'rachadinha' de Carlos Bolsonaro vai a aniversário de advogada de Flávio

SBI pede anulação de portaria do Ministério da Saúde sobre tratamento ineficaz contra Covid-19Saúde

SBI pede anulação de portaria do Ministério da Saúde sobre tratamento ineficaz contra Covid-19