Em Casa Amarela, João manda recado e diz que não se resolve problemas da cidade no grito

Rodolfo Loepert / Frente Popular do Recife

O candidato a prefeito, deputado federal João Campos (PSB), fez uma caminhada pelo bairro de Casa Amarela, um dos maiores colégios eleitorais da cidade. Campos estava acompanhado da candidata a vice, Isabella de Roldão e de candidatos a vereador aliados. Um grupo de pessoas com deficiência esperavam o prefeiturável, um por um deles foi cumprimentado.

A Frente Popular sempre realiza uma caminhada no populoso bairro, como em anos anteriores com Eduardo Campos, Geraldo Julio e Paulo Câmara. E faltando 20 dias para a eleição, João Campos fez questão de, ao final do percurso, na Tribuna 40, conversar com os eleitores presentes.

"A gente está aqui pra fazer uma campanha respeitando as pessoas, apontando os caminhos. Ninguém resolve a educação no grito, ninguém resolve o problema do emprego no grito. Agora, quem está disposto a trabalhar e ajudar pra fazer o Recife que a gente sonha pode vir pra Frente Popular que estamos de braços abertos", afirmou João Campos. 

“É uma grande alegria reencontrar amigos neste bairro tão querido do Recife. Casa Amarela é uma terra de gente guerreira e que segue em frente mesmo com os desafios. Nossa tropa está fazendo uma campanha bonita e limpa, e essa caminhada serve para dar um gás a mais. Vamos andar em cada canto desta cidade, com uma campanha propositiva, apresentando propostas que impactam positivamente na vida das pessoas, como o Crédito Popular e o A Casa É Sua. A Prefeitura tem que chegar para ajudar e resolver os desafios”, destacou.

Isabella de Roldão também fez questão de parabenizar a militância pelo grande trabalho que está fazendo na rua. “Nossa campanha representa a esperança e a renovação. Essa caminhada aqui em Casa Amarela foi muito emocionante, porque encontramos amigos e vimos o brilho no olhar de cada pessoa, em cada conversa. Sentimos que é uma liga real e verdadeira. A militância está de parabéns”, pontuou.

Durante passagem pelo Alto Santa Isabel, ao se encontrar com o grupo de pessoas com deficiência que fizeram questão de cumprimentá-lo, João prestigiou pessoas como dona Gilda Albergaria, 71, que é cadeirante. Ela fez questão de esperar o candidato da Frente Popular na porta de casa.

Veja também

TSE faz testes preparatórios para segundo turno das eleições
eleições

TSE faz testes preparatórios para segundo turno das eleições

Bárbara Paz retrata em 'Babenco' o artista e o homem na intimidade
cinema

Bárbara Paz retrata em 'Babenco' o artista e o homem na intimidade