A-A+

Em dia de troca de farpas entre Ciro e Dilma, Túlio Gadêlha diz que acredita na união de PT e PDT

"Eu ainda boto fé na construção de uma frente com PT e PDT, juntos", escreveu o pedetista

No dia em que o pré-candidato ao Planalto pelo PDT, o ex-governador Ciro Gomes, e a ex-presidente Dilma Rousseff trocaram farpas nas redes sociais, o deputado federal Túlio Gadêlha (PDT-PE), afirmou que acredita na construção de uma frente envolvendo PT e PDT no próximo ano.

"Eu ainda boto fé na construção de uma frente com PT e PDT, juntos. Mas isso só se dará em 2022, quando perceberem que o cenário permanecerá polarizado e que toda força será necessária para tirar Bolsonaro do poder", escreveu Gadêlha nas redes sociais.

Entenda

A troca de farpas entre a ex-presidente da República, Dilma Rousseff, e o ex-candidato à presidência, Ciro Gomes, aconteceu após a petista sair em defesa de Lula, diante de críticas feitas pelo pedetista. O ex-ministro acusou o ex-presidente da República de ser o principal desestabilizador de Rousseff quando ainda ocupava o cargo de presidente da República.

 

Veja também

Homem é atacado por jacaré em lago de Campo Grande (MS)
Centro-oeste

Homem é atacado por jacaré em lago de Campo Grande (MS)

Show de dupla sertaneja é interrompido após palco pegar fogo em SP
Susto

Show de dupla sertaneja é interrompido após palco pegar fogo em SP; assista