A-A+

Erick Lessa debate segurança da Sulanca com comerciantes e Polícia Militar

Erick Lessa articulou uma reunião estratégica integrando sulanqueiros e a Polícia Militar - Viliane Gomes

Empenhado em contribuir com a segurança de compradores e comerciantes da Feira da Sulanca, o deputado estadual Erick Lessa articulou uma reunião estratégica integrando sulanqueiros e a Polícia Militar. O encontro ocorreu na tarde desta terça-feira (21), na Diretoria Integrada do Interior 1 (Dinter 1). Na ocasião, o comandante do 4º BPM, tenente-coronel Fred Saraiva; e o diretor da Dinter 1, coronel Paulo César, dialogaram com representantes dos diversos setores da Sulanca.

Uma das principais demandas apresentadas pelos comerciantes foi a necessidade de aumentar o efetivo policial. Os feirantes se comprometeram a cooperar com a instituição policial e, ainda, mencionaram o desejo de ajustar o calendário das feiras de fim de ano, que historicamente ocorrem aos domingos e segundas-feiras.

Problemas de infraestrutura no lugar também foram apontados, bem como os riscos de incêndio, como o que ocorreu em junho de 2019 e deixou bancos totalmente destruídos. No início da noite, mais um incêndio foi registrado na área, gerando preocupação e revelando a carência de estruturação do local.

O deputado Erick Lessa avaliou que o momento foi importante para a consolidação de informações. “A partir do diálogo, é possível otimizar os resultados do trabalho dos profissionais de segurança, que são extremamente comprometidos no cumprimento de suas missões”, destacou, lembrando que esta reunião foi uma demanda apresentada a ele em uma recente reunião com representantes da Feira.

Participaram do encontro os sulanqueiros Fátima Amaral, Renato Rodrigues e Fábio Bezerra, do setor da Brasilit; Jacira Gomes; Paulo César; Ademir Alves e Emerson Bruno, do setor Fundac. Após a análise das demandas, outra reunião deverá ocorrer no início do próximo mês, visando à devolutiva das reivindicações.

Veja também

Galo bate Fortaleza, Furacão passa pelo Flamengo, e times fazem final da Copa do Brasil
Copa do Brasil

Galo bate Fortaleza, Furacão passa pelo Flamengo, e times fazem final da Copa do Brasil

Ninguém acerta a Mega-Sena e prêmio acumula em R$ 40 milhões
Loterias

Ninguém acerta a Mega-Sena e prêmio acumula em R$ 40 milhões