Ex-chefe de gabinete de Túlio Gadêlha denuncia deputado por calúnia

Deputado Túlio Gadêlha - Divulgação

Ex-chefe de gabinete de Túlio Gadêlha (PDT), Rafael Bezerra informou, nesta quarta-feira (25), ter registrado um boletim de ocorrência contra o deputado federal por calúnia. A denúncia foi feita depois que o parlamentar publicou, nas redes sociais, que a coordenação da campanha do PSB o teria procurado para "negociar seu silêncio". No último fim de semana, Gadêlha contrariou a orientação do partido ao declarar apoio a Marília Arraes, que concorre à Prefeitura do Recife.

A postagem foi feita no último domingo (22). Túlio disse que seu então chefe de gabinete recebeu um telefonema da coordenação do PSB no Recife. "Disse que eles estavam querendo 'negociar o meu silêncio' nesse segundo turno. Dá pra acreditar?", escreveu.

No mesmo dia, Rafael Bezerra desmentiu a história e disse que leu a publicação "com grande consternação e tristeza", deixando o cargo. "Ainda que os elementos da comunicação estejam suscetíveis a ruídos, afirmar algo que nunca aconteceu fere o que poderia se considerar contornável mesmo dentro do que conhecemos como 'jogo político'", afirmou.

Em resposta, Túlio Gadêlha sugeriu que o ex-chefe de gabinete teria sofrido "pressão". "Na vida como na política, é comum pessoas voltarem atrás no que dizem diante de pressão. Isso não estremece o nosso mandato. As dores do povo recifense e pernambucano sempre serão prioridade", postou.

Na terça-feira (24), o PSB entrou com interpelação no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o deputado para que dê explicações sobre a acusação.

Procurada pelo Blog da Folha, a assessoria de imprensa do deputado Túlio Gadêlha informou que o parlamentar não vai se pronunciar sobre o assunto.
 


 

Veja também

Presidente da Eletrobras troca empresa pela BR Distribuidora
Economia

Presidente da Eletrobras troca empresa pela BR Distribuidora

Com um reforço de 100 veículos, Grande Recife amplia a frota de ônibus
Transporte

Com um reforço de 100 veículos, Grande Recife amplia a frota de ônibus