Governadores pedem ajuda da ONU para acelerar a distribuição da vacina

O Fórum dos Governadores enviou uma carta, nessa terça-feira, 30, solicitando um encontro com o secretário-geral da Organização das Nações Unidas, António Guterres, para pedir "ajuda humanitária" para o Brasil em virtude da pandemia da Covid-19. De acordo com os chefes dos Executivos estaduais, o País é hoje "epicentro da pandemia do coronavírus no mundo" e pediram que a ONU ajude o Brasil a conseguir acelerar a entrega das doses de vacina.

"Os Governadores dos Estados brasileiros firmaram um pacto e estão implementando medidas restritivas à circulação de pessoas; contudo, a capacidade de atendimento dos hospitais das redes pública e privada entrou em colapso, e o Brasil está ameaçado pela escassez de insumos hospitalares, a exemplo de oxigênio e medicamentos para tratamento de pacientes com Covid-19, além da falta de profissionais de saúde”, diz trecho da carta.

“Computam-se diariamente mais de 3 mil óbitos, número que assusta e merece atenção redobrada de instituições e organizações que possam somar esforços para a superação dessa devastadora crise sanitária. Além das medidas restritivas, convém acelerar o processo de vacinação, especialmente nos meses vindouros de abril e maio", dreforça os governadores.

A ideia da carta intitulada "Pacto Nacional em Defesa da Vida e da Saúde", foi desenvolvida na reunião do Comitê Nacional de Combate à Covid-19 e é assinada pelo governador do Piauí, Wellington Dias (PT), que coordena o tema das imunizações no Fórum.

Veja também

Testes de anticorpos após vacina contra Covid-19 são incapazes de garantir a eficácia do imunizante
Coronavírus

Testes de anticorpos após vacina contra Covid-19 são incapazes de garantir a eficácia do imunizante

Senado aprova redução na tarifa de energia elétrica por 5 anos
CONTA DE ENERGIA

Senado aprova redução na tarifa de energia elétrica por 5 anos