João Campos assina carta compromisso política pelo clima

Reprodução

O candidato a prefeito pela Frente Popular do Recife, o deputado federal João Campos (PSB), foi o primeiro prefeiturável a assinar a carta compromisso Política Pelo Clima, que aponta para a construção colaborativa de soluções para reduzir desigualdades, criar uma economia sustentável e aumentar a resiliência ambiental do Recife, pactuando metas e indicadores público a serem formulados com instituições representativas e especializadas. João se reuniu virtualmente com o ex-secretário estadual de Meio Ambiente, Sérgio Xavier, coordenador da plataforma. O projeto é coordenado pelo Instituto InterCidadania (IC), com apoio do Instituto Clima e Sociedade (iCS).  

Durante o encontro, João destacou a importância dos temas abordados na carta e defendeu maior integração entre as políticas para redução de desigualdades, preservação ambiental e desenvolvimento econômico. “Há, sim, caminhos para compatibilizar a proteção social, a proteção do meio ambiente e desenvolvimento econômico. Esses três caminhos devem andar conjuntamente. É importante ter crescimento, mas com inclusão e preservação, para que possamos reduzir as desigualdades”, disse.

A carta apresenta prioridades para temas como ecoplanejamento urbano, habitação, mobilidade, educação, incentivo a negócios verdes, energia, resíduos e arborização. A ideia proposta pela plataforma é integrar políticas e soluções construídas de forma colaborativa, transformando os programas de governo em processos participativos, monitorados em rede pela sociedade, a partir de metas e indicadores pactuados, com canais para agregar ideias e aprimoramentos contínuos.

João Campos ainda destacou que esses desafios precisam ser resolvidos de forma integradas entre a gestão pública e a sociedade. “A gente precisa do compromisso de defender nosso meio ambiente, assinar todo pacto e acordo que for para defender padrões climáticos adequados. Quero dizer do que concordo com o conteúdo da carta, mais que concordar, eu aqui firmo compromisso de seguir por esse caminho, que acredito que é melhor caminho para cidade, para nosso meio ambiente e para reduzir desigualdade social”, afirma.

Veja também

Após dez anos fechado, Teatro do Parque volta a funcionar em 11 de dezembro
Cultura

Após dez anos fechado, Teatro do Parque volta a funcionar em 11 de dezembro

Pernambuco registra 781 casos da Covid-19 nas últimas 24h e 25 novas mortes
Coronavírus

Pernambuco registra 781 casos da Covid-19 nas últimas 24h e 25 novas mortes