Miguel Coelho anuncia medidas mais rígidas em Petrolina para combater pandemia

Reprodução/Instagram

Por meio de uma live nas redes sociais, nesta sexta-feira (10), o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (MDB), anunciou que o município vai adotar medidas mais rígidas para o combate à pandemia da Covid-19 a partir da próxima segunda-feira (13). Com isso, todas as atividades e os serviços classificados como não essenciais serão suspensos por 14 dias.

"Isso inclui comércio, shopping, feiras livres, parques públicos, orla, pistas para caminhada em todas as avenidas, salões de estética, barbearias, concessionárias de veículos, escritórios e similares, além de reuniões, missas, cultos e demais celebrações religiosas. Tomar essa decisão não foi fácil, mas como todas as nossas ações sempre tiveram como objetivo salvar o máximo de vidas, ela é a mais prudente no atual momento", disse Miguel.

O gestor municipal destacou, ainda, que desde o início, dezenas de medidas foram adotadas pela Prefeitura de Petrolina para conter o rápido avanço da doença. "O que nos trouxe importantes resultados, como a segunda menor taxa de mortalidade do Nordeste entre os municípios acima de 200 mil habitantes." No entanto, de acordo com ele, em função do aumento de casos confirmados nos últimos dias, incluindo a taxa de ocupação na rede hospitalar, as regras serão adotadas.  

"Das nossas atitudes, da nossa responsabilidade coletiva, do nosso amor ao próximo. Em respeito aos quase 70 mil brasileiros que infelizmente não estão mais conosco, nós, que somos milhões, somos capazes e temos o dever de vencer essa crise. O nosso trabalho continuará sendo feito diariamente para que mais ações aconteçam e os números que aumentem não sejam os de vidas perdidas, e sim salvas, recuperadas, fortalecidas. Este é o nosso compromisso com Petrolina, com Pernambuco e com o Brasil."