Paulo Câmara tem reunião com ministro da Infraestrutura para destravar Transnordestina

Divulgação/SEI

O governador Paulo Câmara se reuniu na tarde desta quinta-feira (22.04), em Brasília, com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, para discutir a retomada das obras da Ferrovia Transnordestina. Ele expôs ao ministro que Pernambuco avançou na obtenção dos licenciamentos das obras e nas desapropriações, e demonstrou a viabilidade da conclusão da linha até o Porto de Suape.

“A conclusão da ferrovia até Suape é uma ação estruturadora, que fará a diferença para a economia de Pernambuco por muitos anos. A obra se arrasta por décadas, e precisa ser retomada. Estamos fazendo nossa parte e viemos solicitar ao ministro apoio nesse projeto”, afirmou Paulo Câmara, que estava acompanhado, na reunião, do presidente de Suape, Roberto Gusmão, do diretor de Planejamento do porto, Francisco Martins, e do deputado federal Fernando Monteiro.

Tarcísio de Freitas informou ao governador que o Ministério está concluindo um trabalho de reavaliação da obra, para definir alternativas. “Ainda neste semestre teremos esse resultado”, garantiu. A Transnordestina é um projeto iniciado em 1998, com o objetivo de ligar, por via férrea, a cidade de Eliseu Martins, no Piauí, com os portos de Pecém, no Ceará, e Suape, em Pernambuco. Com um terço do trajeto implantado por um concessionário privado, o alto custo da obra levou o governo federal a avaliar qual o destino mais viável: Pecém ou Suape. Quando for terminada, a ferrovia será um importante corredor de escoamento da produção de grãos e minérios para exportação. 

Veja também

Procon-PE impede festa com mais de 400 pessoas em Jaboatão dos Guararapes
Pandemia

Procon-PE impede festa com mais de 400 pessoas em Jaboatão

Chile conclui eleição histórica em busca de maior equidade com uma nova Constituição
AMÉRICA LATINA

Chile conclui eleição histórica em busca de uma nova Constituição