Pauta da Alepe vai priorizar votação de auxílio emergencial a artistas e liberação de empréstimo

Dois importantes projetos de lei, de autoria do Poder Executivo, tramitam na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) e já estão quase prontos para serem votados em primeira e segunda discussão no plenário da Casa . A proposta de nº 1794/2021, que institui o auxílio emergencial aos artistas e grupos de cultura popular, dança e música, aportando R$ 3 milhões de recursos, vai ser apreciada hoje na comissão de Educação e Cultura e, em seguida, votada, em primeira e segunda discussão, na reunião plenária. Após aprovação, segue para sanção do governador Paulo Camara (PSB).

O auxílio emergencial vai conceder pagamentos entre R$ 3 mil e R$ 15 mil aos artistas e grupos de cultura popular, dança e música, que não trabalharam no período carnavalesco em virtude da pandemia. Segundo o governador,  que pediu urgência na tramitação, o projeto é um gesto "para minimizar as dificuldades financeiras enfrentadas nesse momento pelos artistas e grupos culturais pernambucanos". A proposta foi encaminhada para Alepe no último dia 12 e contou com o compromisso do presidente da Casa,  Eriberto Medeiros (PP), em dar celeridade na tramitação da matéria.

Já o projeto de lei de nº 1777/2021, que pede autorização para que o Governo do Estado tome empréstimos no valor de até R$ 1 bilhão para investir na área de infraestrutura e logística estadual, foi apreciado nas comissões de Constituição, Legislação e Justiça; de Finanças, Orçamento e Tributação; e de Administração Pública. A proposta também será votada ainda hoje, em primeira discussão, noplenário e é previsto que ocorra na próxima quinta-feira, a votação, em segunda discussão. 

Na última segunda-feira, o secretário de Planejamento e Gestão, Alexandre Rebêlo, participou de uma audiência pública para esclarecer a necessidade do Estado na busca do empréstimo. Na ocasião, o porta-voz do governador afirmou que o recurso será destinado em obras da malha viária de Pernambuco e que há 30 projetos de requalificação de rodovias prontos, sendo muitos deles com as minutas de licitação já redigidas, de modo a garantir celeridade na efetivação dos investimentos. “Pretendemos pedir o empréstimo em abril e há a possibilidade real de receber esses recursos no segundo semestre deste ano”, ponderou Rebêlo. Após aprovação da Casa, o projeto segue para sanção do governador.

Veja também

John Stamos fala sobre ausência das gêmeas Olsen em 'Fuller House'
Séries

John Stamos fala sobre ausência das gêmeas Olsen em 'Fuller House'

Governo e Congresso fecham acordo para resolver impasse do Orçamento
Orçamento

Governo e Congresso fecham acordo para resolver impasse do Orçamento