Projeto quer priorizar policiais, motoristas e cobradores de ônibus na vacinação contra Covid-19

Entrará em tramitação na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) dois projetos, de autoria do deputado estadual Aluísio Lessa (PSB), para priorizar na vacinação contra a Covid-19 dois grupos de profissionais estratégicos no combate à pandemia. São eles os militares, civis, federais, rodoviários, bombeiros, peritos criminais e guardas civis e o outro grupo é formado por caminhoneiros, trabalhadores em portos, empregados de companhias aéreas, funcionários de empresas de trens e ferrovias, principalmente os motoristas e cobradores de ônibus tanto metropolitanos quanto intermunicipais e interestaduais. 

O primeiro está envolvido na fiscalização e segurança da população durante a pandemia e já o segundo tem ligação direta com a logística de itens essenciais como combustível e alimentos, além de uma parcela ser formada por profissionais que trabalham no transporte da população no seu dia a dia.

“A inclusão desses profissionais no grupo prioritário do Programa Emergencial de Vacinação para o combate e erradicação do vírus da COVID-19 se faz necessário devido ao grande nível de exposição dos mesmos, e também como forma de reconhecimento da importância do trabalho que vem sendo desempenhado pelos seus setores, tornando-se essencial para a manutenção de toda e qualquer atividade, não só do nosso Estado, como também de todo o país.”, destaca do deputado Aluisio Lessa.

Veja também

Testes de anticorpos após vacina contra Covid-19 são incapazes de garantir a eficácia do imunizante
Coronavírus

Testes de anticorpos após vacina contra Covid-19 são incapazes de garantir a eficácia do imunizante

Senado aprova redução na tarifa de energia elétrica por 5 anos
CONTA DE ENERGIA

Senado aprova redução na tarifa de energia elétrica por 5 anos